Seja Bem vindo a minha página

ABANDONE DE VEZ SUAS PONTUAÇÕES E RENDA-SE COM TODA SUA PECAMINOSIDADE AO DEUS QUE NÃO LEVA EM CONTA NEM OS PONTOS , NEM AQUELE QUE OS MARCA, MAS VÊ EM VOCÊ , SOMENTE UM FILHO REMIDO POR CRISTO- Thomas Merton

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

OS CESTOS PARA 2009

Eu não sei porque, mas o sujeito quando chega em uma certa idade começa a recordar de algumas coisas simples que faziam parte do seu dia-a-dia, no meu caso ( meio século), recordo-me que minha mãe mantinha em casa dois cestos, talvez não seja diferente hoje nas casas das mulheres organizadas, isso mesmo, dois cestos: um pra roupas sujas e outro pra roupas limpas, prontas para serem passadas à ferro. Na medida que os dias desse ano terminam eu começo a pesquisar esses cestos e separar o que vou colocar dentro deles em 2009. Não sou tão ortodoxo como muitos, por isso me dou o luxo de admirar músicas de diversos estilos desde o funk até o forró passando pelas que falam de amor e diga-se de passagem são belas as canções que falam de amor. Vou jogar no cesto de roupas sujas os funks das cachorras, que falam das partes íntimas e que fazem apologia às drogas e ao sexo, como também sou intérprete e admirador do gospel, pasmem, mas tenho que reservar um cantinho para alguns deles que de adoração nada tem e que são verdadeiros mantras repetitivos sem começo e nem fim, também está reservado um cantinho nesse cesto pros políticos que nos fizeram de massa de manobras e que até subiram em púlpitos dizendo: a paz do Senhor Jesus. Também vai pro lixo alguns atos que presenciei do nosso Presidente da República, do tal de Hugo Chaves, do Renan Calheiros e tantos outros que não vale a pena gastar tempo mencionando. Vai pro cesto de roupas sujas as palavras que ouvi que me deixaram tristes, das viradas de cara, dos ciúmes e desejo de me verem derrotados, vai pro cesto de lixo toda as horas que pensei que não passava de um instrumento de brincadeiras nas mãos de pessoas, de que pensei não valer nada e que minha roupagem interior blindada nunca seria penetrada por alguém. Vai pro cesto de roupas sujas minhas mancadas, deslizes e desacertos, é bom que se diga que nós, pastores, não somos super-homens, estamos ainda em construção. Vai pro cesto de roupas sujas toda a mágoa, toda indiferença. Ufa... ta cheio e olha que teria mais coisas pra colocar nele . Mas eu quero também usar o outro cesto, o cesto do amor ... ah!!! O amor que nos faz viver bem, com esperanças que tudo pode mudar, vai pro cesto de coisas limpas, o prazer de ter sido alguém que ajudou outros a sorrir, os momentos que manifestei carinho, que não me deixei levar pela soberba, ciúmes ou vaidade. Que fui sincero ao relatar coisas que não teria coragem , e que fui vencedor no ring na luta contra o medo. Vai pro cesto de coisas boas as horas e minutos que me comuniquei na emissora, no msn, no blog que tem sido um derramar de minhas neuroses, enfim ... Meu Deus, esse cesto também está cheio, longe de subir os degraus da vaidade ou do meu ego, mas tenho mais coisas boas do que ruim pra guardar. Ah! Tenho também você que me da audiência, que lê o que escrevo, que me ouve, que me empurra pra frente e que me dá sempre os ombros pra que eu possa chorar. O que fazer com o cesto de coisas ruins e sujas? Queimar? Jogar no lixão? Guardar no sótão? Não... ficará exposto bem na minha frente pra que eu nunca venha esquecer que o melhor mesmo é viver com amor, dignidade, e entrega. E que sozinho não viveremos nunca, portanto em 2009 quero selecionar melhor os que se diziam amigo, por que não quero ser jogado pelos inimigos no cesto de roupas sujas . FELIZ 2009

terça-feira, 25 de novembro de 2008

NOTA DE FALECIMENTO

Hoje pela manhã levei um susto e percebi que estava morto , isso mesmo mortinho da Silva Xavier, apalpei-me e me senti morto para os que antes me procuravam ao celular e perguntavam: você esta bem ? e sem esperar minha resposta já despejavam o caminhão de pedidos, por que o que mais queriam era se aproveitar do comunicador influente na política e no rádio, sim, percebi que estava morto para os que queriam ocupar um espaço na mídia, na política ou na igreja, e ao perceberem que já nada posso, preferiram me sepultar escrevendo na lápide de minha sepultura a simples frase : a fila anda companheiro. È verdade... estou morto, mortinho da Silva Xavier para aqueles que se diziam amigos, e que por serem “politicamente corretos” preferiram abandonar o barco me deixando a deriva e naufragar sem eles. Certo escritor escreveu que ser politicamente correto é do diabo, por que não se toma partido de nada, não se compromete , não se mistura.Isso me faz recordar Jesus que não é, não foi e nunca será politicamente correto, e demonstrou isso ao perdoar a mulher adúltera, a fazer amizade com Maria Madalena, Zaqueu e convocar para ser um dos discípulos um traidor de nome Judas, da mesma forma que fazia amigos entre os ricos, fazia entre os pobres, trocando em miúdos Jesus dava sua cara a tapa . Mas ainda percebo , mesmo escrevendo esse artigo que realmente estou morto , mortinho da Silva Xavier , para os hipócritas, para os invejosos, para os que amam te ver por baixo – percebo que essa vida é uma gangorra, quem esta em cima um dia terá que descer – Estou morto para os que viam em mim uma fonte de renda, e outras coisas mais. Que susto ... estou morto e estou vivo , vivinho da Silva Xavier para aqueles que nunca me pediram nada, nem mesmo um sorriso, dinheiro, cargo ou espaço para aparecer na mídia, e que me abraçam onde me vêem , que me pastoreiam , intercedem por mim , querem que eu volte a me comunicar via rádio ,estou falando de gente simples, gente sofrida, guerreira que nada ocupam a não ser o seu próprio espaço dado por Deus e que não tem nenhuma pretensão de serem “politicamente corretos” para agradar fulano ou siclano.não são “ lideres” formadores de opinião , são gente que sabe o que é sentir dor, e que sabem o que é compartilhar, amar sem obterem retorno. Finalizando , to amando estar morto para o primeiro grupo, e quero continuar assim, vivinho da Silva Xavier para os anônimos que me fazem sentir a cada manhã mais feliz , mais vivo , mais abençoado . Percebo agora quem são os que me tiram o tubo de oxigênio e os que lutam desesperadamente para que os aparelhos que me deixam vivo não sejam desligados.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Triste cena

O Rio Paraiba sofreu um pouco nesses ultimos dias na região de Resende, Volta Redonda e Barra Mansa. Infelizmente uma empresa derramou no rio 1.500 litros de um produto chamado endosulflan , inseticida organoclorado com alto teor tóxico. Nesses ultimos dias a população tem observado o rio com a grande quantidade de peixes mortos, e o que nos chama a atenção é a qualidade , espécie e tamanho deles. Triste cena , esperamos que as autoridades não deixem por menos e penso que multar a empresa não é a solução , mas um treinamento e conscientização de que alem dos peixes os humanos tambem estão correndo perigo.

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

O shopping e o Boi

Passear no shopping é fashion , pelo menos é o que parece , mesmo que você não compre nada e fique apenas pescoçando, alguém me disse que pescoçar é olhar e não comprar , e eu faço isso sempre , não sou muito de compras, por isso fui pescoçar. O ambiente do shopping é formidável, luzes, cores, vitrines bem adornadas, gente bonita bem vestida, namorados e sozinhos , gente que quer se encontrar , e gente que esta perdida nos pensamentos ou nos sentimentos .Eu acho formidável passear por lá, diferente da feira, poucos gritam e poucos compram , mas está sempre super lotado de gente que sorri e chora por dentro. A praça de alimentação é sempre a mais concorrida, o brasileiro come muito não é mesmo ? Mas o que me encanta muito são os artistas anônimos que estão sempre empunhando um instrumento, teclado, violão ou baterias, e que fazem soar de suas pregas vocais lindas canções que fazem parar os mais apressadinhos. Eu sempre paro e prestigio esses artistas , isso me faz um bem enorme. Escrevi nesse mesmo blog minhas experiências andando pela feira,(leia :frutas , legumes , aves e artes) onde encontro por lá figuras folclóricas e interessantes , no shopping é diferente , todos tem um ar de anônimos, de gente que sabe o que quer e o que não quer. Sempre ouço que no shopping tudo é mais caro , concordo, mas quem vai pagar o glamour das luzes , das vitrines, das roupas da moda , dos celulares de ultimo tipo ? Eu, você, que apreciamos andar por esse espaço. Terminando minha caminhada sem motivos no shopping , sai , fui pra rua e me assentei numa cadeira de plástico gentilmente cedida pelo Boi , isso mesmo , o Boi nome do fazedor de hot dog. Decidi degustar um desses pra terminar minha jornada diária de degustação, dispensei a ameixa preta, o molho, o queijo e outros adereços e fui servido pelo Boi de pão , salsicha, molho verde (gosto muito) e pouca batata palha. Me ofereceu um refri que não tinha em sua carrocinha , mas pediu ao amigo do lado e me serviu. È ... o shopping traz glamour mas eu preferi a carrocinha do Boi . Na verdade trago em mim a parte simples que é a minha maior parte . Quando for a Vila Santa Cecilia em Volta Redonda visite a carrocinha do Boi .Lá você só paga o que come e depois ainda é interpelado se gostou do atendimento. Vai vendo ai .

domingo, 26 de outubro de 2008

Quem cuida de quem ?

São inúmeros os textos que recebo dizendo que ninguém deixa de cumprir suas obrigações para cuidar de você , ouvindo seus queixumes. Isso é real e o livro sagrado mostra isso com clareza. Um homem descendo de Jericó foi atacado por bandidos e deixado desfalecido a beira da estrada. Nesses instantes de sofrimento do moribundo passou um levita, profundo conhecedor da lei e que entendia que deveria amar o seu próximo , mas passou de largo indiferente ao sofrimento do homem . Outro que passou foi o sacerdote , o pastor , aquele que tinha a tarefa de cuidar de gente , mas que por força da hora do culto e que não podia se atrasar, não parou. Talvez aquele pastor estivesse no meio de uma cruzada evangelística, ou talvez recebendo uma dessas celebridades da mídia que iria pregar em sua igreja , ou talvez por que naquele momento teria um encontro com um político influente. Dentro dessas conjecturas percebemos que ninguém , mas ninguém mesmo pára por que você esta sofrendo ,e quando eu digo ninguém, é ninguém aqui desse planeta , por que o bom samaritano esta sempre presente . Uma ironia ,um samaritano cuidar de um moribundo que provavelmente seria um judeu ortodoxo, logo eles que não tinham diálogo entre si e que se tratavam como animais selvagens.Quando Cristo intitulou Bom samaritano creio que queria nos dar a lição de que ser bom basta apenas querer e tomar atitudes sadias.Aquele bom samaritano que ia de viagem parou , interrompeu sua trajetória, mudou os compromissos de sua agenda para tratar de um desconhecido. Pergunto : estamos preocupados com gente? Nosso foco são os seres humanos , ou nossa trajetória de sucesso , ou nosso bom nome entre os que nos ouvem e nos conhecem , estamos preocupados com seres humanos ou com o que receberemos de salário no final do mês? Estou sendo deselegante sim com os que se dizem cuidadores de gente e que se portam como levitas ( os que apenas conhecem mas não cumprem ) como sacerdotes ( que sabem suas obrigações e não cumprem). Mas minha deselegância faz sentido por que sem generalizar, muitos já perderam como dizem os antigos o fio da meada e estão apenas cumprindo agendas.Voltando ao modelo de amor com o bom samaritano, percebemos que prioridade era gente sofrida , gente pecadora, gente torta, rejeitada pela sociedade. O bom samaritano não quis a ficha de membro ou carta de transferência do cidadão que estava meio morto , mas se derramou em amor. Não tinha a pretensão de ter de volta o que investiu , mas parou e cuidou do doente. Essa lição não pode ser esquecida. Igreja é local de terapia, é hospital e hospedaria. Outra coisa que venha ser a igreja é desconsiderada por Aquele que a formou . Ele para é nós precisamos parar também .

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

SÓ... RISOS...Controlando a pressão

'Gás do pum' pode ajudar a tratar pressão alta, diz estudo Sulfeto de hidrogênio, conhecido pelo mau cheiro, pode regular pressão. Da BBC Tamanho da letra A- A+ Um gás liberado em flatulências e em "bombas de cheiro" pode desempenhar o papel de regular a pressão sangüínea, segundo um estudo da John Hopkins University publicado pela revista especializada "Science". Pequenas quantidade de sulfeto de hidrogênio - um gás tóxico gerado por bactérias que vivem no intestino humano - são responsáveis pelo mau cheiro de flatulências. Mas o estudo mostra que esse gás também é produzido por uma enzima encontrada em células que revestem os vasos sangüíneos, chamada CSE, e ele teria o papel de relaxar essas veias e baixar a pressão. As conclusões, tiradas a partir de um estudo com camundongos, podem levar a novos tratamentos para a pressão alta. Experiência No estudo, camundongos geneticamente modificados para ter deficiência da enzima CSE apresentaram níveis de sulfeto de hidrogênio quase nulos, em comparação com camundongos normais. Os cobaias com deficiência da enzima apresentavam pressão sanguínea cerca de 20% mais alta do que os normais, resultados comparáveis à pressão alta em humanos. Quando os camundongos modificados receberam um remédio para relaxar as veias - metacolina - não houve diferença, indicando que o gás é responsável pelo relaxamento. Já se sabe que outro gás, o óxido nítrico, está envolvido no controle da pressão sanguínea. "Agora que sabemos que o sulfeto de hidrogênio tem um papel no controle da pressão, pode ser possível criar terapias com remédios que aumentem sua produção como alternativa para os atuais métodos de tratamento de hipertensão", disse o pesquisador Solomon Snyder. fonte: Site G1 - Ciencia e Vida

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Ufa!!! as bóias chegaram

Intrigante o que me aconteceu, dias antes eu escrevia um texto intitulado :Preciso de Bóia, e sem querer na ultima linha deletei, fiquei intrigado com o troço como diria o bom mineiro, mas hoje sei por que a mão Divina assim o fez. Esse blog tem sido o canal onde os observadores maldosos se encontram a espreita pra entender o que se passa comigo , não para me segurar as mãos ou emprestar os ombros , mas para jogar pedras e sorrir dizendo : Eu sabia , que ele não agüentaria... Bom já falei demais , o que quero me referir hoje com relação as bóias é que muita coisa clareou em minha mente, as línguas felinas recheadas de maldições cansaram , os de pés sujos conseguiram direcionar os olhos para os seus próprios pés e perceberam a sujeira virando craca ( assim que chamávamos os meninos que deixavam acumular a sujeira dos pés a ponto de virar uma espécie de casca) as mentes doentias se refugiaram nas utis e entraram em coma, já não conseguem maquinar o mal . Bóias servem para salvar quem está se afogando, e pedras servem para ajudar a afundar. Alguns são especialistas nesse assunto de jogar pedras, mas o fim é a solidão , e a frustração. Os que são especialistas em jogar bóias são príncipes, anjos que estão a nosso dispor, gente que sabe o que é sofrer e sabe o que é amar. Eu vejo agora depois do céu nublado esse anjos chegando e me entregando bóias , o que me trás alivio e maior confiança no Pai que é o guardador de minha alma. É ... as boias estão chegando , vou continuar vivendo , os dias passando ,eu vou melhorando pra começar tudo de novo e ser feliz . Infeliz seria eu chegar ao fim da vida olhar pra trás e dizer: Por que não tentei??? Entendeu ? Segure a bóia e siga em frente .

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Galeria dos meus amigos

Essa senhora é um exemplo de vida, totalmente contrario ao normal de que o primeiro meu depois dos outros , nos da uma grande lição do que é solidariedade. Muito conhecida em Barra Mansa por alimentar os presidiários durante décadas , hoje ela se dedica ao assistencialismo material e espiritual. Com uma fé fervorosa todos que entram em sua casa saem abençoados. Comigo não foi diferente .Ao ser convidado pela nossa Rute , encontrei um sorriso , palavras de animo e oração. O restaurante popular leva o seu nome na cidade, mas isso não a envaidece por que sabe que serve Aquele que é o Pão da Vida: Jesus Cristo. O mundo precisa de pessoas assim que, não "cuidam" da vida de outros , mas que abençoam e oram . Vó Rute sofre de artrose e outros problemas , mas não se cansa de abençoar aqueles que a procuram. Vó Rute é gente. Agradeço a Deus por sua existencia.

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

ACHANDO GRAÇA DA DESGRAÇA

Não é esquisito você achar graça na desgraça? Pois é... qual a graça na morte de um filho, numa interrupção de relacionamentos, num desemprego, num ministério que ruiu, ou qualquer outro fato que traga tristeza e dor? Paulo estava na desgraça que um espinho na carne lhe colocara, sem entrar no mérito o que era esse espinho, entendo que não havia graça (risos) mas havia Graça (favor imerecido) na vida dele. Toda desgraça traz consigo uma portinha entre aberta que temos que descobrir sozinhos. Essa porta nos leva a descobertas , a introspecções, a reflexões profundas , nos faz sentar no banco da escola de nossas próprias vidas , e rabiscar com tinta inapagável tudo o que fizemos, que nos levou a esses momentos. Em toda espécie de desgraça temos um pouco das sementes que plantamos. Ai , temos que tomar algumas atitudes, vejamos: Paulo orou 3 vezes pedindo ao Deus Supremo que o livrasse do espinho,( é bom frisar que Deus ouve nossas orações e não que atende todas elas) , Deus diz ao pedinte Paulo: Minha Graça te basta. A Graça é como um remédio que nossa mamãe nos aplicava quando caíamos e ralávamos pernas ou qualquer parte do corpo , ardia por uns instantes , mas depois vinha o refrigério. A Graça é como uma rede , um rio de águas cristalinas e uma árvore frutífera que desfrutamos em meio a desertos. Sem a Graça de Deus é impossível viver canta Paulo César Brito. As desgraças sempre teremos , e não adianta querermos nos livrar delas sem antes provar da Graça do Pai. Cada um de nós viveremos experiências profundas, seja nas águas turbulentas da desgraça ou nas águas calmas da vida. E aprendi a não orar para que Deus me livre delas , mas a pedir Graça muita Graça na desgraça.

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

MUDANÇAS

Parece que foi ontem , uma cena que não se apagou da minha mente, minha mãe confeccionando uma lamparina de querosene , pavio de pano , um vasilhame de vidro e tampa e uma pergunta que formulei para acabar com minha curiosidade: Mãe: pra que isso ? Ela respondeu: a noite você verá. Não precisou chegar a noite porque vi o seu Chico cortando o fio de eletricidade que alimentava nossa casa. E ai começou a mudança, as noites eram diferentes, a luz de lamparina que mais tarde foram substituídas pelos lampiões e que mais tarde seriam os responsáveis pelo incêndio que deixou nossa casa em cinzas. Mudanças geralmente trazem conflitos, trazem bem estar e até mesmo medos, e incertezas. Mas as mudanças são inevitáveis, e elas estão por toda parte , algumas não são percebidas ,outras são tão visíveis a ponto de transformar nosso interior , mudar nossos hábitos , nossos desejos , nos expulsando de nossas áreas de conforto. Quando tal coisa acontece com as famílias, aprendi que mudanças não nos leva a tragédia, mas a reflexões do que éramos e do que podemos ser quando as mudanças estão acontecendo, ou após elas terem acontecido. No inicio a mudança de luz elétrica para luz de lamparina levou nossa casa a um incêndio que ficamos sem nada pra vestir, comer e local pra dormir, mas foi nesse momento que minha família comandada pelo seu José, trabalhador bagrinho do cais (bagrinho: aquele que pegava resto de trabalhos dos estivadores matriculados no cais do porto de Santos), fortaleceu-se, amadureceu, levantou a cabeça e construiu uma das melhores casa do bairro na época. Nos tempos de cinzas, mudanças, crises, o melhor é rir da cara da situação e nos fortalecer, caso fiquemos chorando, resistentes a mudanças acabamos feridos e engolidos por elas. Tudo é uma questão de decisão. Já vi cidades inteiras arrasadas por furacões serem reconstruídas, podemos citar Hiroshima e Nagasaki, após a bomba atômica se tornaram uma grande potencia. Mudanças não nos trazem destruição , mas nossas atitudes em meio a mudanças poderão nos levantar ou nos derrubar ... Pensem...

terça-feira, 9 de setembro de 2008

PÉS SUJOS

É evidente meus caros leitores que o que eu escrevo são marcas das chibatadas que levo no meu dia a dia , algumas com razão outras não , mas eu viajei dentro das sagradas escrituras e encontrei lá o registro de Cristo lavando os pés de seus discípulos ,e o que eu quero chamar a atenção de vocês é o que me veio a mente em imagem digital enquanto lia , de homens presunçosos e de pés sujos. Eram doze que pensavam diferente e que até se sentiam muito santo. No caso de Pedro quando Cristo se aproximou para lavar-lhe os pés gritou : Não ... nunca lavarás os meus pés . Isso me chama atenção dos hipócritas religiosos que seguem na estrada poeirenta e que ignoram a sujeira dos pés , pisam na lama do ódio, da soberba, de palavras de maldição contra seu próximo, do engano , da inveja e fazem como meninos ,entram em casa enlameados como se nada estivesse acontecendo. Esses nunca erram e nunca precisam de correção. No meio deles estava Judas o traidor, escondido, arredio e se fosse em tempos modernos enfiaria seus pés numa linda meia e escondia num sapato de pele de jacaré, por fora bonito por dentro estado de putrefação. Ele o Judas teve os pés lavados pelo mestre e não reagiu , não se quebrantou , não mudou de lado. Nota-se o que acontece com muitos hoje que pregam , ensinam, cantam , dançam , se encontram , mas escondem a sujeira para que o status, as finanças a “moral” e o bom nome não sejam torpedeados. È impossível alguém caminhar nessas estradas da vida sem sujar os pés, não se pode fazer de contas, não se pode simplesmente olhar para os pés dos viajantes ao lado, mas perceber em si a sujeira , e fazer a oração do publicano : Senhor tem misericórdia de mim, que sou um homem pecador. A alma de um homem assim não suporta caminhar muito tempo com os pés sujos. O sanguíneo Pedro após levar uma bronca de Jesus que lhe disse: Se eu não te lavar não terás parte comigo , imediatamente queria mergulhar de cabeça na bacia com água , mas Jesus lhe disse: Quem já tomou banho precisa apenas lavar os pés. Eu parafraseio as palavras de Cristo da seguinte forma : Quem já teve um encontro comigo, renunciou o pecado e experimentou a transformação que Eu lhe dei precisa diariamente se arrepender dos pecados que eventualmente se pratica ,e não fazer de conta que não aconteceu. No momento me recordo dos tempos que não possuíamos água em casa e nossa mãe para economizar nos mandava apenas lavar os pés para dormirmos , assim não sujaríamos os lençóis pensava ela. Na verdade por fazermos de contas que não temos pés sujos caminhamos , entramos em locais que somente quem tem pés limpos podem entrar. Cristo voltou ao seu lugar e disse aos homens agora de pés limpos : Vão e façam o mesmo, lavem os pés uns dos outros. Jesus disse para lavar e não cortar os pés uns dos outros. Jesus disse : Todos vocês tem pés sujos , e precisam de limpeza. Eu decidi entregar meus pés para serem lavados , cansei de fazer de contas , cansei de aparências, cansei de olhar para os pés alheios. Minhas atitudes não são tão tradicionais, do jeito que todos gostariam que fossem , mas posso ter encontro com gente que faz como Jesus , se curva , tem uma bacia com água nas mãos e me lava os pés. No grupo de Jesus havia todo tipo de gente , terrorista, ladrão, invejoso etc e tal , mas foram contemplados com o amor e a humildade de quem tinha não aprovação ao pecado mas que não era tão duro a ponto de não se curvar e lavar pés sujos

quinta-feira, 4 de setembro de 2008

QUEREM RASGAR MEU LIVRO

Sabe aqueles momentos mais cruciais da luta ? aqueles momentos que parecem que você não vai resistir a catástrofe iminente e você "ouve" uma palavrinha uma frase e te faz ressurgir das masmorras , covas ou cavernas ? Pois bem , nessas conversas via MSN eu "ouvi" tais palavrinhas “mágicas” de um amigo que me disse: O livro da sua vida não será destruído, você tem historia, ninguém irá destruir o que você escreveu. Num estalo me recompus e percebi como gostam de escrever coisas em nossos livros sem nossa permissão , historias mentirosas, e ai descobri a intenção de alguns em nos ter fora de circulação. Livros são eternos, livros trazem historias boas e ruins, livros nos aconselham , livro nos ensinam , e dentro de todas essas qualidades dos livros nos deparamos com o livro de nossas vidas que tem a mesma função de um livro comum .Voce pode notar através do seu livro que tem “escritores” que querem escrever mentiras, e mentiras destroem, mentiras nos faz deprimir, angustiar-se , são palavras que ferem , que nos tornam monstros diante de mentes desavisadas, os “escritores” são criativos e te vêem em locais que não fostes, em situações que sua índole não permite, te casam , descasam , te dão filhos ou até matam e roubam por conta destas malditas criatividades e assim por diante. Há aqueles que não escrevem , mas querem apagar as linhas escritas, e você sabe que é quase impossível , inclusive se o que se escreveu é resultado de algo visível, é fato , e como dizem por ai , contra fatos não há argumentos. Há também malditos “escritores” que querem amassar, anular os seus feitos rasgar o seu livro , esconder de todos.Estou dando muita moral para esses “escritores”, digo isso por que há mais bons do que maus escritores. Viva o Orkut, MSN , emails que hoje nos trazem esses bons escritores bem mais perto e rápido até nós, sem falar nos telefonemas, e até em reuniões importantes que citam seu nome ou seus feitos que foram sem intenções de retorno. Meu livro esta ai , aberto , mas por favor leiam , e nada escrevam se não for verdade. A minha verdade é a mesma verdade de Sansão , Davi , Moisés e tantos outros que a Bíblia não escondeu , mas que também não escreveu nada a mais do que foi real. E isso nos faz um bem tremendo . Boa leitura ... leiam-me ...mas não alterem nada .

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

ELAS EMBRUTECERAM ?

Hoje almocei com duas amigas; uma delas pretende se casar em setembro. Conversa vai, conversa vem, decidi deixar a mostra meu lado conselheiro e olhando para essa amiga disse: - Não se embruteça, seja sempre feminina. Ela com um ar de quem se interessou pelo conselho esperou mais algumas palavras deste presunçoso conselheiro, passei a dizer-lhe da enormidade que é uma mulher, mãe, avó, tia, esposa, amante, conselheira, médica e ufa!!! Tanta coisa, mas também, além disso; hoje ela pode pilotar um avião, um carro, uma moto, ser operária em fábricas onde somente os mais corpulentos machos eram contratados. Ela, a mulher, ganhou asas, voou longe, mas a velocidade foi tão grande que arrancou de si a essência, a beleza de ser mulher. Quando o criador a fez, não usou como matéria prima o barro, mas da costela do homem, isso por que Deus sabia que ela seria um ser muito diferente: que chora e ao mesmo tempo ri, que perde, que ao mesmo tempo se robustece de esperanças, que vive o hoje como se fosse o amanhã, que pra ela não teria tempo ruim, guerreira, defensora dos seus, parceira mesmo em tempos ou fatos inoportunos. Mas, algumas se embruteceram, perderam a feminilidade, a tão famosa submissão que é estar sobre uma missão especial ao lado do homem, se igualaram, começou gritar mais alto, a comandar com mãos de ferro, a subestimar seu companheiro. O embrutecer trouxe a elas alguns pacotes atrelados, tais como: desprezo, prejuízos físicos e emocionais, estresse, insônia, e o pior - a sina de não ser bem amada. O homem gosta do que a mulher faz, mas não gosta do que ela se transforma após o que faz. Homem ama ser acariciado, olhar nos olhos femininos e ver ternura, homem gosta de comidinha gostosa e mulher cheirosinha, homem gosta de ouvir ao pé do ouvido um “Eu te amo”, você faz parte da minha vida, te amo para sempre e essas coisinhas mais... Homem também deve pronunciar e viver com elas essas palavras, mas é bem verdade que quando soa da boca delas sai bem mais verdadeiro, mais doce, mas... Bom deixa pra lá. Tenho dito a algumas mulheres e a essa amiga que continuem sendo femininas, mulheres, amáveis, doces, compreensivas, respeitadoras, alegres e que façam outras coisas que lhes agradem, mas nunca percam a essência de ser mulher, por favor, não embruteçam, e sejam felizes com seu homem. Não esqueçam: Ninguém rouba um coração apaixonado. Não quero ser machista e nem tão pouco jogar a carga somente nas beldades femininas, mas concordei com minha amiga que disse: a mulher que faz o homem e que eterniza o casamento. Mulher tem instinto protetor, pronta para amar e com garra suficiente pra despachar quem não a ama e caso alguma tenha nascido com defeito de fábrica as que estão sem defeito vão tomar conta de um homem que queira simplesmente ser amado.

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

THAIS TORRES

Como é ruim ficar sem saber noticias de um amigo e ao saber voce se confronta com uma tragédia . Pois foi isso que aconteceu com a amiga Thais competente jornalista que tive o prazer de trabalhar no departamento de comunicação da prefeitura de Barra Mansa. Thais sumiu da cidade, estava voando alto em São Paulo, competente jornalista queria seu lugar ao sol , mas sua luta foi interrompida semana passada em Itaim Bibi atropelada por um onibus. Comunicadores e jornalistas estão de luto, mas convictos que a missão de nossa amiga foi cumprida. Adeus Thais .. até outro dia

domingo, 10 de agosto de 2008

PAI... HERÓI E BANDIDO

Almoçando em um restaurante de Volta Redonda assistia Fábio Junior ainda com aquela cara de criança cantando Pai , uma musica que marcou os pais em minha geração e até hoje parece ser um hino em homenagem a esses que ainda não foram substituídos pelo avanço da ciência moderna. Ao ouvir a musica me emocionei , logo eu que nunca tive um pai, ou aliás tive dois e ao mesmo tempo não tive nenhum , conto essa historia depois. Mas me chamou muito a atenção a expressão : Pai meu herói meu bandido, eu não sei qual era a real situação do Fábio com seu pai na época , mas posso supor que não era a das melhores. Entendo também que como seres humanos falhos que somos não conseguimos ser cem por cento perfeitos , mas sempre nos vestimos com aquela roupa de super homem a prova de balas, e fazemos de contas que voamos , que somos invencíveis, que temos visão de raio x e que nada , simplesmente nada pode nos superar. E isso atrai os filhos que passam a ver os pais assim imbatíveis, até que surge uma pedra verde a Kriptonita que enfraquece o super homem e o deixa bandido. A pedra verde tem sido uma realidade na vida de muitos pais que passaram a vida toda mostrando ser super , enganando que com eles nada e ninguém poderia derrotá-los. O pai é herói até que não contrarie essa fantasia , até que não seja superado, abatido por pedras verdes que o faz enfraquecer, voltar atrás, que o faz recomeçar, ou sentir se útil e ser feliz . E se isso traz prejuízos para os filhos o faz tornar-se bandido , incapaz , rejeitado e aquele que envergonha e que já não é mais insuperável. Claro somos o culpado por passarmos uma imagem tão super. Sou pai a 26 anos , mas não fui filho nem sequer um dia por isso mesmo tendo dois como disse (original e genérico) não os via como um super por que convivi com suas falhas tal como , bebidas, vícios, violência e assim por diante , o que não me causava espanto porque tinha conhecimento de suas debilidades. Por isso valorizei-os , amei-os assim mesmo, heróis e bandidos mas permaneceram pais . A conclusão que chego na musica do Fábio é que depois que ele se tornou pai , fez um pedido ao seu pai que fosse em sua casa brincar de vovó com seu filho , suponho novamente que havia uma separação dos dois a ponto de nem se quer serem visitados , e agora ele Fábio entendendo o significado de ser pai o faz esse convite . Em resumo entendo que o que os filhos fazem aos pais hoje seus filhos farão com eles amanhã. Não precisa ser pai herói , e não seja bandido , seja simplesmente humano. FELIZ DIA DOS PAIS seres humanos.

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

ANCORADO

Eu estava me recordando dos meus tempos de criança em minha terra natal Vicente de Carvalho Guarujá, litoral de São Paulo. Eu amava ficar a beira do Estuário a ver navios literalmente, e como era gostoso isso. Eu admirava os velhos barcos ancorados no cais, uns grandes , outros pequenos , alguns na minha concepção pareciam não ter mais condições de voltar a navegar , porque seus cascos estavam corroídos pela maresia, em certos pontos tinham buracos, os mastros arriados e quebrados, alguns adernados para a direita ou esquerda, e já vi muitos afundados a beira do mar, cheios de lama. O estaleiro recebia muitos desses e ficava parecendo como um monte de lixo , e ferros velhos, um local pra mim um tanto sinistro. Não se entreguem quando a vida lhe levar ao cais do porto ou ao estaleiro, todos precisamos disso, o trabalhador principal do estaleiro lhe conhece e sabe o que você precisa , e sabe que no navegar da vida somos consumidos pela maresia feroz que deteriora nosso corpo e sentimentos, os vendavais quebram nossos mastros tirando o nosso equilíbrio, a ferrugem destrói o motor da nossa existência e ficamos a deriva sem saber pra onde ir e o que fazer. E é quando isso acontece que precisamos ancorar, será um suicídio continuar, alem de nos prejudicar , faremos com que aqueles que em nós confiam também morram conosco. Algumas coisas nos impedem de parar , como a soberba a vaidade e que é acompanhado do seguinte bordão : O que os outros vão falar? Navegar quebrado repito é um suicidio, reconhecer que é preciso reconstruir, reformar é sabedoria. Mas era interessante também observar que ali ancorados no cais do porto ou no estaleiro muitos saiam a navegar novamente. Saiam lindos, novas cores, novos mastros , cascos raspados de toda a maresia e de tudo que se agarravam a eles. É isso , voltavam a navegar em alto mar , voltavam a ser útil naquilo que fora lhe designado , pescar, transportar gente ou simplesmente navegar. Mas ficar ancorado muito tempo também apodrece o casco faz água e afunda. Tudo tem seu tempo, e esse momento é o meu tempo, quero que o Trabalhador principal do estaleiro me reforme, e me faça novo, sem as debilidades e quebraduras do passado, sem vazios na alma e sentimentos frustrados, sem a falta de equilíbrio por mastros quebrados , sem o óleo que nos faz navegar em altos mares com toda a força. Quero que o Trabalhador desse estaleiro faça de mim um barco novo, e que todos possam ver de longe que algo mudou em mim. Navegar é preciso mas ancorar no cais do porto ou no estaleiro é necessário.

sábado, 2 de agosto de 2008

Adelaide foi ali

Antes de falar da Adelaide e o porque que quero homenagea- la aqui , quero voltar no tempo e me lembrar de uma ouvinte querida , diga-se de passagem uma senhora sexagenária que me enviava dinheiro pelo correio dentro de uma carta, naquela época eu pagava o meu programa na rádio Clube de Santos, e nunca gastei um minuto pedindo dinheiro aos meus ouvintes para pagar o espaço , mas essa querida que amava tanto o programa tinha medo que eu não conseguisse arcar com o compromisso com a emissora no final do mês e por isso colocava notas de pouco valor no envelope e me enviava . Não é preciso dizer que isso me sensibilizava muito, também recebia diversas cartas de ouvintes tanto homens como mulheres que me deixava vaidoso quanto a qualidade da programação. Passando o filme mais rápido, saltemos para os tempos de 88 fm lá pelos idos de 1994 em diante . Uma senhora linda simpática já com idade chegando aos 80 anos que saia de sua casa e através do orelhão conversava prazerosamente comigo, estou falando de Maria Pires que mais tarde se tornou minha segunda mãe. Verdade minha segunda mãe com tudo o que um filho e uma mãe tem direito, ela também foi ali nos deixou gravado na vida muitas lições. Agora peço licença aos demais para falar da Adelaide, uma figura espirituosa e espiritual que incorporou a 88 fm de uma forma que os próprios ouvintes sentiam falta quando ela ficava muito tempo sem participar de qualquer um dos programas. Eu particularmente me divertia com o seu jeito jogadão e sincero de falar, isso me levava a risos. Adelaide ia de conversas políticas a assuntos espirituais e de quebra gostava de fazer humor , e a sinceridade era sua marca registrada. Adelaide foi ali as quatro horas da manhã de um dia especial pra nós . Primeiro de agosto dia do aniversário de catorze anos da emissora. Quando Dário de Paula anunciou seu falecimento eu estava no trajeto que faço a quase catorze anos para dirigir o programa Bom dia 88 , tirei as duas mãos do volante levei ao rosto e disse : Meu Deus a Adelaide se foi !!!, ai pensei como num relâmpago, os céus ganharam uma guerreira, uma alma alegre , sincera e amiga. E quem vai substitui-la? Logo alguém aparece e se torna uma figura folclórica como tantas outras, mas Adelaide como os outros nunca será esquecida ou substituída.. Adelaide foi ali um dia nos encontraremos. Ah!!! Adelaide viveu 82 anos e ainda deixou o seu grande amor o Belarmino , alguém da família me disse que eles se amavam muito. Com certeza estavam juntos não para cumprir um compromisso, mas por que se amavam mesmo. Não poderia ser diferente uma pessoa do tipo da Adelaide sabia o que era amar. Não , não fugi do assunto , só vive como a Adelaide viveu quem consegue amar de verdade. Adelaide foi ali .

segunda-feira, 28 de julho de 2008

O Radialista informa

Notícias// Força Nacional de Segurança pode atuar nas eleições do Rio de Janeiro De acordo com o ministro da Justiça, a Força Nacional de Segurança poderá trabalhar para garantir as eleições no Rio de Janeiro. Segundo Tarso Genro, os agentes deverão dar respaldo à Polícia Federal. O ministro ressaltou, no entanto, que a ação dos agentes federais nas eleições fluminenses depende de um pedido formal, que pode ser feito pelo governo do Rio ou pela Justiça Eleitoral. O objetivo é coibir a influência de traficantes de drogas e de integrantes de milícias nas eleições. Reportagem CBN:// Conta corrente registra primeiro resultado negativo desde 2002 O Brasil teve no primeiro semestre um déficit de US$ 17,4 bilhões nas transações correntes, um dos principais termômetros das contas externas brasileiras. As contas do governo não registravam um resultado negativo num primeiro semestre desde 2002. Apesar do número expressivo, vale ressaltar que, há seis anos, as reservas do Banco Central eram de US$ 37 bilhões, enquanto hoje somam US$ 205 bilhões. Reportagem CBN//

quinta-feira, 24 de julho de 2008

O radialista informa

A ex-ministra Marta Suplicy (PT) e o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) estão tecnicamente empatados na disputa pela Prefeitura de São Paulo, mostra pesquisa Datafolha divulgada hoje no jornal "SPTV" 2ª edição, da TV Globo. Marta aparece com 36% das intenções de voto, contra 32% de Alckmin. A margem de erro é de três pontos, para mais ou para menos. A pesquisa completa será publicada na Folha desta sexta-feira. A vantagem de Marta sobre Alckmin caiu de sete para quatro pontos entre a nova pesquisa e o levantamento anterior, realizado em julho --quando Marta aparecia com 38% e Alckmin com 31%. Em terceiro lugar está o prefeito Gilberto Kassab (DEM), com 11% da preferência --ele tinha 13% no levantamento anterior. O ex-prefeito Paulo Maluf (PP) tem 8% --mesma taxa registrada na pesquisa anterior. A taxa de intenção de voto em Soninha Francine (PPS) oscilou de 1% para 2% das intenções de voto. Os candidatos Ciro Moura (PTC) e Ivan Valente (PSOL) aparecem com 1% das intenções de voto. A pesquisa Datafolha ouviu 1099 moradores da cidade de São Paulo nos dias 23 e 24 de julho. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada no TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo com o número 01500108-SPPE. Segundo turno Num eventual segundo turno entre Marta e Alckmin, o tucano venceria a disputa com 51% das intenções de voto, contra 43% da petista. Com isso, ele abriu uma vantagem de oito pontos sobre Marta. Na pesquisa anterior, Alckmin tinha 50% contra 45% dela. Contra Kassab, Marta venceria com 52% das intenções de voto. Nesse cenário, o democrata tem 37% das intenções de voto. No levantamento anterior, ela tinha 55% e ele 36%. Num segundo turno entre Alckmin e Kassab, o tucano venceria com 62% das intenções de voto contra 24% do democrata. O tucano tinha 59% das intenções na pesquisa anterior, contra 25% de Kassab.

quarta-feira, 23 de julho de 2008

DESCONHEÇO O AUTOR

Amo Pessoas Amo pessoas que acordam no meio da noite, só para escutar o barulhinho da chuva no telhado, elas sabem ouvir o canto de Deus... Amo pessoas que fazem do presente um caminho para o futuro, com algumas trilhas secundárias e até alguns atalhos, elas entendem de liberdade... Amo pessoas que escrevem sua história sem ignorar os borrões, mas fazendo deles uma lição de vida, elas jamais serão esquecidas... Amo pessoas que posso chamar de amigos, que vêem mais qualidades que defeitos em mim, elas enfeitam dia a dia o caminho que trilho... Amo pessoas que sabem conviver, tolerando o que for intolerável, encontrando uma justificativa para resgatar a harmonia, elas entendem de perdão... Amo pessoas de todas as idades, essas que não sabem a idade que tem. Que são velhos, adolescentes, crianças, elas sabem se encaixar no tempo.... Amo pessoas que cantam no chuveiro, que olham o espelho, se acham lindas e sorriem para a imagem devolver o sorriso, elas com certeza receberão sorrisos, sem espelho... Amo pessoas que valorizam riquezas só do espírito e ignoram a miséria das almas, elas entendem que pobre é aquele coitado, que só possui bens materiais... Amo pessoas que cuidam da natureza, que espalham sementes, plantam árvores e florescem o mundo, elas colherão frutos doces, independente das estações... Amo pessoas de mãos generosas no doar, no afeto e no oferecer, elas entendem que o presente fica em parte com quem recebe, que fica mais com quem doa... Amo pessoas que não tem medo de se arriscar, de mudanças, de finais nem recomeço. Amo pessoas que ficam olhando o horizonte de bobeira, que deitam na grama para olhar nuvens passar ou contar estrelas , elas conhecem e muito de paz.... Amo pessoas que não gostam de julgar, que legam a Deus essa tarefa, elas sabem que Ele resolve tudo, no tempo Dele e não no delas.... Amo pessoas que misturam pais, filhos, netos, primos, tios, avós, que brigam, se desculpam e que não se separam, elas sabem a importância da família... Amo pessoas que escutam passarinho quando canta, que olha o sol quando levantam e que brincam de faz de conta com crianças, elas sabem que ser feliz é simples... Amo pessoas que soltam bolinhas de sabão, pipas coloridas e param para escutar a música do realejo, elas brincam com a criança interior da alma e a impedem de crescer... Amo pessoas que estimam os animais, sem olhar a raça, que afagam suas cabeças como um amigo, elas sempre serão recebidas com uma lambidela de carinho.... Amo pessoas que não sabem odiar, que falam com anjos em qualquer lugar e sabem que eles ouvem, tanto que me pediram para escrever: QUE ELES TAMBÉM AS AMAM! Amo pessoas que iluminam o olhar diante da pessoa amada, que beijam na boca e não estão nem aí para a platéia, para julgamentos, ou ridículo, elas amam amar o AMOR...

O radialista informa

O TEMPO HOJE Sol com algumas nuvens durante o dia. À noite o céu fica com muitas nuvens, mas não chove.

O radialista informa

Naji Nahas recebeu mala de dinheiro, diz acusado na Itália // Ex-chefe mundial da equipe de inteligência da TI (Telecom Italia), Giuliano Tavaroli disse, em depoimento ao Ministério Público de Milão, que o investidor Naji Nahas recebeu uma valise com milhões de dólares para resolver questões da empresa no Brasil, informa nesta quarta-feira reportagem de Leonardo Souza e Valdo Cruz, publicada pela Folha (íntegra disponível para assinantes do UOL e do jornal). Segundo a reportagem, apesar de não usar o termo corrupção, conforme Tavaroli, o dinheiro era para pagar propina no Brasil. "O fato é que para essa prestação o hábil Nahas --além da valise 'viajante'-- recebe 25 milhões sem um reles suporte documental da atividade desenvolvida", disse. Tavaroli está entre os 34 denunciados anteontem pelo Ministério Público de Milão por bisbilhotar ilegalmente pessoas na Itália e no exterior em defesa dos interesses da empresa, inclusive no Brasil. Em entrevista em janeiro sobre o tema, Nahas sustentou que nunca pagou propina e que o dinheiro que ganhou foi legal. Ontem, ele não foi localizado pela Folha para comentar o assunto.

O Radialista Informa

23/07/2008 - 08h49 Confiança do consumidor tem pior nível desde 2006, diz FGV SÃO PAULO (Reuters) - O consumidor brasileiro não está satisfeito com a atual situação econômica e as perspectivas para o futuro também não são das melhores, mostrou pesquisa divulgada nesta quarta-feira. O índice de confiança do consumidor (ICC) da Fundação Getúlio Vargas (FGV) amargou uma queda de 4,9% entre junho e julho, atingindo o menor patamar registrado desde junho de 2006. "Tanto as avaliações sobre a situação atual quanto as expectativas em relação aos próximos meses foram as piores realizadas em junho", informou a FGV em comunicado. As avaliações e previsões dos consumidores sobre a situação local foram as que sofreram piora mais acentuada neste mês. O quadro traçado para o cenário financeiro familiar e para o mercado de trabalho foi mais moderado. De acordo com o levantamento, a proporção dos entrevistados que avaliam como ruim a situação econômica da cidade em que moram atingiu a marca de 51%, o maior patamar registrado desde o início da série histórica, em setembro de 2005. A pesquisa da FGV foi feita com base em entrevistas realizadas entre os dias 30 de julho e 18 de julho, em mais de 2.000 domicílios em sete das principais capitais do país. (Por Renato Andrade; Edição de Eduardo Simões)

Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


domingo, 20 de julho de 2008

Frutas, legumes, Aves e artes

Ir a feira pra mim é um desestressar, um refrigério do fogo no momento mais crucial da batalha, lá eu encontro e me encontro , realizo e me realizo lá na feira livre de Volta Redonda Rio de Janeiro, eu vejo tipos e tipos, caras estranhas , esquisitas, bonitas e feias , encontro desde uma peça para um fogão , uma galinha gorda criada em quintal até um livro , grupos musicais e pasmem Carlos Rogério, isso mesmo esse ai da foto acima é o dito cujo que passa uma lição de vida a todos quanto param e ouvem suas canções. Limitado em seus movimentos com mãos e pernas praticamente atrofiados é presenteado pelo criador com uma bela voz, e que interpreta como poucos musicas que os maninhos dos raps e funks não conseguiriam jamais interpretar (será que sabem o que é interpretar?). Parei pra ouvir junto com tantos outros que logo pela manhã foram presenteados com tão bela cena. Mas deixe me falar sobre o que aprendi ou fui esclarecido. Não há limites para o homem , nós não fomos criados para nadarmos em aquários, e conforme o texto bíblico tudo podemos Naquele que nos fortalece, bem , o nosso amigo Carlos Rogério usa os pés para escrever nos cds que gravou e que vende aos seus admiradores , isso mesmo gente com os pés , e o mais interessante, faz isso enquanto canta. Agora cai por terra a tão famosa tese de que homem só consegue fazer uma atividade por vez . O nosso amigo escreve com os pés nos cds , canta , e ainda por cima no meio da musica durante o solo instrumental conversa com seus ouvintes. Sai daquele momento me dizendo, eu faço pouco e sofro pouco, e se um dia ninguém mais me dar emprego , quero e devo usar minha criatividade e nunca pensar que vou passar necessidades, ou que vou mendigar pra um e outro o pão. A maior paralisia esta dentro de nós , isso mesmo a paralisia que nos atrofia os sonhos, que não nos deixa enxergar a verdade, e a mentira dentro de nós e as que estão dentro dos outros, que não nos deixa caminhar para aquilo que achamos o correto. Gente na feira livre encontramos de tudo , inclusive a nós mesmos perdidos na multidão de palavras , de conselhos, de idéias . Vou montar uma barraca lá , e vou vender gente assim como Carlos Rogério, os cantores Peruanos , e tantas outras parafernálias que a vida necessita , que necessitamos para sobreviver nessa selva de pedra, vou vender sonhos, amores e por que não uma vida cheia de esperanças ??? Lá se vende de tudo , compra-se o que se quer . Bem vindo a feira , bem vindo a minha barraca.

A UM AMIGO MUITO ESPECIAL

O amigo que eu encontrei me surpreendeu Quando todos me deixaram Ele me acolheu E sarou minhas feridas Das algemas me livrou Lhe falei do meu dilema e Ele me escutou Lhe falei do meu passado e me perdoou Isso teve um alto preço que Ele já pagou Me mostrou as mãos feridas Por amor de muitas vidas E uma dessas muitas vidas era eu... Quem nesse mundo amor tão grande pode ter De entregar a própia vida sem temer? Quem já sentiu a dor de ser cravado em uma cruz Pagando pelos erros que não cometeu? E olhar nos olhos de quem tanto mal lhe fez E sem ressentimento oferecer perdão Quem pode ser melhor amigo que o Senhor Que pelo servo a própria vida renunciou?

Dia do amigo

Até que gostaria de escrever algo nesse lindo dia do amigo , mas como não ando bem das pernas e do cérebro darei honra a Vinicius de Moraes , leiam é tudo o que penso de voces meus amigos // Soneto do amigo// Enfim, depois de tanto erro passado Tantas retaliações, tanto perigo Eis que ressurge noutro o velho amigo Nunca perdido, sempre reencontrado. É bom sentá-lo novamente ao lado Com olhos que contêm o olhar antigo Sempre comigo um pouco atribulado E como sempre singular comigo. Um bicho igual a mim, simples e humano Sabendo se mover e comover E a disfarçar com o meu próprio engano. O amigo: um ser que a vida não explica Que só se vai ao ver outro nascer E o espelho de minha alma multiplica... Ei, já ligou para o seu amigo hoje? Já lembraram as histórias que passaram juntos, aquelas super divertidas, que entraram para o rol dos melhores momentos da sua vida? Ou então, já agradeceu aquele ombro acolhedor, que esteve presente naquele dia difícil, em que você só precisava de um abraço reconfortante? Pois então, faça! Trate de pegar o telefone e celebrar esse encontro de almas afins. Hoje, 20 de julho, é dia do amigo! Comemore, pois uma amizade sincera é daquelas coisas que não têm preço.

sábado, 19 de julho de 2008

O Radialista informa

18/07/2008 - 20h33 MP impugna candidaturas de quase toda a Câmara de cidade em MG BELO HORIZONTE (Reuters) - O Ministério Público Eleitoral impugnou quase todas as candidaturas de vereadores que tentam se reeleger em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte. Na Câmara do município, há 14 vereadores, sendo que 13 deles são candidatos à reeleição. O MP impugnou a candidatura de 12, além da do prefeito Walace Ventura Andrade (PSB), também candidato à reeleição. Segundo a Justiça Eleitoral, ainda há prazo para a defesa antes da decisão final. De acordo com a promotora Luciana Kellen Santos Pereira Guedes, uma das representantes do MP que atuam na Justiça Eleitoral no município, mais de 100 candidaturas já foram impugnadas na cidade nos últimos dias, pelos mais variados motivos. "Verificamos desde candidatos analfabetos até pessoas com problemas graves na Justiça, como mandado de prisão em aberto por assalto a mão armada", disse ela. "Há vários casos de condenações por crimes. Um vereador, por exemplo, é condenado por homicídio qualificado, com sentença transitada em julgado, e ainda tem passagem pela polícia por envolvimento com tráfico de drogas", acrescentou. A promotora afirma que o volume de impugnações é muito grande e que não separou vereadores que querem se reeleger de candidatos que querem ocupar vaga no Legislativo ou Executivo pela primeira vez. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 301 candidatos já foram considerados inaptos a concorrer nas eleições de outubro, em Minas Gerais. Já o Tribunal Regional Eleitoral afirma que somente em agosto deve ter um balanço oficial de candidaturas impugnadas, já que a Justiça Eleitoral tem prazo até o dia 16 do mês que vem para julgar os casos. (Reportagem de Marcelo Portela)

O Radialista Informa

Uso de computador por mais de uma hora pode causar danos à saúde Ninguém é robô para passar horas em frente à máquina sem que o corpo reclame. Podem ser os olhos, as costas, os dedos da mão. O fato é que, segundo especialistas ouvidos pela Folha, passar mais de uma hora, sem intervalos, em frente ao computador, escutando música com fone de ouvido ou até falando ao celular, pode criar ou agravar problemas físicos. Esses danos atingem milhões de pessoas. Por exemplo, entre aquelas que utilizam fones de ouvido durante o trabalho --como os operadores de telemarketing, que são 750 mil no país--, de 6% a 12% sofrem com perdas auditivas, diz pesquisa da Poli/USP divulgada em junho. Há, também, doenças que, se não são causadas diretamente pelas máquinas, podem aparecer por conta do uso excessivo e indiscriminado delas. Por exemplo, a LER (lesão por esforço repetitivo) ou a tendinite. Outro problema de saúde é o vício --assim como algumas pessoas ficam reféns do cigarro, outras se tornam dependentes psicologicamente do computador e da internet. Um pesquisador norte-americano quer classificar esse vício como doença mental no principal livro de referências de doenças psiquiátricas do país. Algumas sugestões simples de serem executadas conseguem diminuir ou evitar que o uso do computador, do tocador de MP3, do celular e do videogame, tanto no trabalho quanto nas horas de lazer, seja prejudicial à saúde. GUSTAVO VILLAS BOAS DANIELA ARRAIS da Folha de S.Paulo

sexta-feira, 18 de julho de 2008


Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


O Radialista Informa

Nesta sexta-feira, a grande massa de ar seco mantém o tempo firme em quase todo o estado do Rio. O sol ainda aparece forte em todas as áreas, mas o dia começa frio. Mínima de nove e máxima de 18 graus.// MANCHETE DOS JORNAIS Folha de S.Paulo PF libera apenas trechos de diálogo com delegado // O Estado de S.Paulo PF vê indícios de lavagem em conta de Dantas // O Globo Tráfico executa PMs para roubar armas // No primeiro semestre de 2008 o Indicador Serasa de Inadimplência Pessoa Física apontou nova alta na inadimplência dos consumidores. Segundo o levantamento da Serasa, de janeiro a junho deste ano o crescimento da inadimplência foi de 6,1% na comparação com os seis primeiros meses de 2007.Os bancos lideram o ranking, seguido dos cartões de credito e cheque devolvidos.

O radialista informa

18/07/2008 - 08h42 Vice de Cristina Kirchner vive dia de "herói" após impor derrota ao governo no Congresso; "Até Maradona me telefonou", gaba-se Heroísmo e traição. As duas palavras mais repetidas na Argentina nas últimas horas em referência ao vice-presidente, Julio Cobos, mostram a polarização do país depois de mais de quatro meses de um conflito agropecuário cujo epicentro foi o aumento no imposto às exportações de grãos, as chamadas retenções. Considerado "traidor" por governistas, mas visto como "herói" pela maior parte da sociedade, o vice-presidente que tomou a decisão de pacificar o país em vez de obedecer as ordens da presidente Cristina Kirchner, foi o protagonista de um surpreendente desenlace que dinamitou o capital político da presidente, há apenas sete meses no cargo. A votação sobre o projeto de lei que aumentava as retenções terminou empatada em 36 votos e coube ao presidente do Senado, também vice-presidente da República, Julio Cobos, o "voto de Minerva" que impôs a Cristina e ao ex-presidente da República e atual presidente do Partido Justicialista (peronista), Néstor Kirchner, uma derrota histórica, abrindo as portas para uma crise político-institucional que leva incertezas ao futuro imediato do país. Cobos foi recebido como um herói na sua terra Natal, a província de Mendoza, no extremo oeste do país, onde procurou refúgio ao lado da família. O vice-presidente foi obrigado a percorrer os 1.100 quilômetros que separam Buenos Aires de Mendoza de carro, já que não conseguiu a liberação de um avião da Presidência. Atravessou o país numa épica caravana saudada com entusiasmo pelo povo por onde passava. Ao chegar no final da noite, foi aplaudido pela multidão à porta da sua casa.

O radialista informa

Salvatore Cacciola é transferido para presídio com cela especial Publicidade da Folha Online O ex-banqueiro Salvatore Cacciola foi transferido ontem à noite para o presídio Bangu 8, na zona oeste do Rio, onde divide uma cela com outros presos com curso superior. Inicialmente, a Secretaria de Administração Penitenciária havia informado que Cacciola passaria a noite no presídio Ary Franco, em Água Santa (zona norte do Rio), com presos comuns e sem direito a cela especial. Hoje, a secretaria informou que a transferência ocorreu entre 22h e 23h de ontem.

quinta-feira, 17 de julho de 2008

O radialista informa

Ator Daniel Dantas processa jornal que o confundiu com banqueiro Publicidade da Folha Online O ator Daniel Dantas vai processar o jornal italiano "La Stampa" que publicou fotos suas como o banqueiro homônimo envolvido no caso da Operação Satiagraha, apurou a Folha Online. Divulgação Ator global Daniel Dantas vai processar jornal italiano que publicou sua foto como banqueiro Dantas, que atualmente vive Natércio Prado na novela "Ciranda de Pedra", da Globo, diz acreditar que a história pode prejudicar sua imagem. Procurados pela Folha Online, os assessores de imprensa e os empresários do ator preferem não confirmar oficialmente a intenção do processo ainda, já que aguardam mais informações diretas de Dantas para as próximas horas. Reprodução Imagem de reprodução do jornal italiano "La Stampa" com foto do ator Daniel Dantas No Brasil, o ator também foi confundido com o ex-dono do Opportunity pelo jornal baiano "Diário do Sul", que, assim como a publicação italiana, estampou sua foto no lugar da imagem do banqueiro. Na época, o blog Toda Mídia, da Folha Online, chegou a divulgar a reprodução com o erro da reportagem do jornal baiano. Segundo o blog, o editor do jornal confirmou que, por erro de seleção da foto, na fase de montagem da página, foi publicada a imagem do ator no lugar do banqueiro. Em "Ciranda de Pedra", Dantas vive um "advogado bem-sucedido", "extremamente prepotente, autoritário e ambicioso por poder", informa o site oficial da novela da Globo.

O radialista informa

54 anos de Volta Redonda Hoje dia 17 de Julho Volta Redonda festeja seus 54 anos, chamada como cidade do aço, a curva do Rio Paraiba faz uma Volta Redonda mais feliz , produtiva e dinamica. Fico feliz em fazer parte desse sucesso junto a 88 fm há 14 anos. Parabens Volta Redonda
Adolescente tenta roubar avião para viajar em São José do Rio Preto Da Redação* Em São Paulo Um adolescente de 17 anos foi detido na tarde de ontem no aeroporto de São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, quando tentava pilotar um avião modelo Cesna que transportaria malotes de valores para a capital paulista. Em depoimento à polícia, T.S.S. explicou que seu objetivo era voar até Fernando de Noronha, fazendo escala no Guarujá (litoral sul de São Paulo). Segundo ainda o adolescente, ele teria aprendido a pilotar há três anos em um simulador de vôo, junto com amigos de escola. De acordo com a Polícia Militar, o adolescente chegou a romper um lacre de segurança que inicia o sistema de decolagem do avião, mas só não acionou a ignição porque não estava com a chave. A polícia investiga como o adolescente conseguiu ter acesso ao galpão onde ficam estacionados os aviões e porque não foi barrado pelos seguranças. Segundo testemunhas, o garoto chegou ao aeroporto dizendo ser sobrinho do comandante da aeronave, que pertence a uma empresa de táxi aéreo. A mãe do garoto foi chamada e buscou o filho na delegacia. Agora, T.S.S. deve comparecer à Vara de Infância e Juventude para prestar esclarecimentos ao promotor. *Com informações da Agência Estado e do jornal Agora SP

terça-feira, 15 de julho de 2008

MEU CORAÇÃO JA NÃO BATE MAIS .... SÓ APANHA...

Um dia vão me esquecer , um dia vou parar de apanhar , isso quando eu ficar velho , corroido pelo tempo e não enxergar mais e desconhecer quem passa pela rua. Um dia vão me esquecer , quando minha voz antes forte e alegre , se tornar rouca com um respirar ofegante. Um dia irão me esquecer quando minhas pernas ja não aguentarem meu corpo , quando meus ossos estiverem corroidos pelas artroses. Um dia irão me esquecer quando eu não me lembrar mais por quem lutei por quem amei. Um dia irão me esquecer quando eu não despertar perigo a ninguem, quando ate de meu nome eu esquecer. Hoje meu coração não bate , apanha e quanto mais apanha, mais ama , mais esquece o futuro e se firma no presente . Hoje meu coração não bate mais... só apanha, como omelete e ai só faz crescer amor, amizade, alegria e felicidade. Coração que ja não bate mais e apanha é um coração que sabe dimensionar a dor de amar. Por favor não me esqueçam , ficaria muito triste ao chegar na velhice sem ter lutado ou apanhado.Ninguem perde por investir no amor, na amizade, para ser alegre e feliz, mesmo apanhando tem-se suas recompensas Nota : Ufa .... não consegui ficar muito tempo sem escrever e afastado do note, por favor me entendam ...

segunda-feira, 14 de julho de 2008

CUIDADO!!!

Ao ler uma dessas mensagens que recebemos por e-mail, deparei com duas frases que me fizeram refletir em minhas atitudes. São as seguintes: Cuidado com seus pensamentos: eles podem se transformar em palavras. Cuidado com suas palavras: elas se transformam em ações. O dicionário Aurélio dá os seguintes significados para a palavra, CUIDADO, tais como: Atenção; precaução, cautela; diligência, desvelo, zelo; encargo, responsabilidade, conta. Podemos perceber a grande responsabilidade dessa palavra que remete uma forte mensagem, principalmente utilizada no início da frase, isso é uma advertência! Cuidado! Cuidado com o que pensamos, seria aqui a idéia de nossos bons ou maus pensamentos no que se refere à vida num todo? Não somente isso, julgo ser algo mais profundo. Nossos pensamentos acerca das coisas, das circunstâncias ou das pessoas estão intimamente ligados ao tipo de sentimento que alimentamos em nosso íntimo. Quero refletir aqui sobre os nossos pensamentos em relação às pessoas. Muitas vezes temos uma opinião formada sobre uma pessoa, isso envolve a forma como a enxergamos. Se a olharmos tão somente com olhar humano, egoísta e preconceituoso certamente a maioria dos nossos pensamentos serão maus, e poderão se transformar em palavras duras, amargas, pesadas, carregadas de males, e ódio em alguns momentos. Nossa sociedade tem como conceito valores inversos, onde as coisas tem muito mais valor que as pessoas. Os interesses são prioridades, pessoas não! Totalmente oposto aquilo que Jesus nos ensinou, não apenas com teorias, fórmulas ou modismos. Não, não. Foi com seu exemplo, com suas atitudes, com seus gestos de amor, perdão e compreensão. Suas palavras, embora que muitas vezes forte, geravam resultados eternos, mesmo em situações adversas. Enquanto todos esperavam o pior, suas palavras trouxeram “VIDA”. Dessa mesma forma, nossas palavras têm um poder maior do que muitos de nós podemos imaginar. Poder de destruir sonhos, paralisar projetos de uma pessoa. Bem como, poder para inspirar vida, esperança e amor. A escolha é nossa! Se tivermos coragem de olhar para nós mesmos antes de proferir palavras maléficas aos nossos semelhantes, com certeza encontraríamos vários motivos para não proferirmos tais palavras. Indo mais além, conforme nos orienta a Palavra de Deus a “amarmos o próximo como a nós mesmos”. Não teríamos ferido tantos como talvez já o fizemos. Mas saberíamos bem, o poder que as palavras podem ter na vida de um ser. Por isso, quero tomar CUIDADO, e amar com mais CUIDADO, no sentido do zelo, da responsabilidade, do amor por alguém especial e criado por Deus à sua imagem e semelhança, sendo sabedor que terei de prestar contas pelo fruto de minhas ações. Diante dessa reflexão, decido, hoje, agora, que meus pensamentos serão bem melhor monitorados, analisados e filtrados. E que minhas palavras por conseqüência dos meus pensamentos irão gerar ações, sim ações, que possivelmente refletirão em resultados eternos. Ações de amor, de vida, de reciprocidade, de força e de fé! Veja o pensamento de Deus sobre nós: Porque eu bem sei os pensamentos que tenho sobre vós, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais. Jeremias 29:11. Diante de tudo isso apenas pode agradecer pelas palavras que geraram vida, esperança e fé a mim. E na certeza que os pensamentos de Deus em relação a mim são os mais perfeitos, os mais corretos e os melhores, continuo caminhando, vezes ouvindo palavras de bênçãos, noutras palavras não tão abençoadoras, mas tomarei CUIDADO, ao respondê-las! Nota: Esse texto é de uma pessoa amiga que em sua sensibilidade soube passar o que de fato um ser humano deve se preocupar no dia a dia para ser feliz e fazer outros felizes. Aprendi muito com o que li . Obrigado humana ... muito obrigado

quinta-feira, 3 de julho de 2008

MATEI UM PASSARINHO

Hilário simplesmente hilário, mas aconteceu de verdade nessa semana aqui em casa. Espantada com um objeto estranho no meio de sua toalha de Banho minha filha Jenniffer gritou : Tem algo estranho aqui , jogou a toalha no chão e gritou de forma bem aguda : è um rato !!!, despertado pelos gritos histéricos das mulheres em casa e sabendo que no momento sou o único homem desse território me armei de uma vassoura e ao ver o objeto estranho tentando se livrar imagine o que fiz ? Isso mesmo, sem pena alguma espanquei-o , mas a surpresa ao descobrir quem estava por debaixo da toalha me deixou triste e pensativo . Sim ... era um passarinho, indefeso. E o que podemos refletir aqui ? Muita coisa , inclusive quando nos armamos para atacar quem esta debaixo dos panos da inocência, vitimas de cadeias emocionais, da sequidão do coração. As pauladas que levamos ou damos em alguém pode ser produto de nossos corações perversos , que sem conhecer ,o que queremos mesmo é nos livrar do infortúnio que tanto nos amedronta. Somos muitas vezes algozes de passarinhos, de gente que simplesmente procura ser feliz e que por um deslize ou outro se vê embaixo de uma toalha pronto pra ser sacrificado por aqueles que não tem coragem de levantar o pano pra saber o por que e quem esta lá. Não nos damos ao luxo de perguntar , investigar e saber o por que que nos perdemos em nosso vôo , o por que erramos a rota , só nos interessamos em julgar e matar. Eu quero terminar essa reflexão dizendo aos meus leitores , vocês que sempre foram admiradores do que escrevo e não investigadores de minhas entrelinhas para me espancarem , que ficarei por um tempo escrevendo somente em meu coração , compartilhando do que penso com gente que realmente me ama, e que sabe que por debaixo das toalhas e panos da vida esta um passarinho que perdeu a rota do vôo mas que teve motivos de sobra para isso . Eu espero que meu jejum não seja tão longo e espero que eu suporte ficar longe dos teclados do meu note book e longe da minha página pessoal .

sexta-feira, 27 de junho de 2008

A verdade tem que ser seguida em amor

Escreveu Caio Fábio: 1 A PL 122 é uma desgraça. Pena que não é apenas ela, pois, sendo justo, tem-se que admitir que os modos da refutação sejam tão cheios de ódio e de homofobia, que, por tal razão, até quem está errado fica certo pelo ódio do antagonista. A verdade tem que ser seguida em amor. Pois, do contrário, até a verdade se torna mentira quando os modos são os do ódio. Podendo escrever muitas outras coisas, mas atendo-me apenas a estas, peço as orações de todos, pois, o resultado de tudo isto pode ser a criação de muito mais ódio numa sociedade que está perdendo por completo o amor e a reverencia pelo próximo. Começo o que tenho a escrever com essas palavras do Caio, diante do que se percebe, que a solução tem que ser com ódio e gritaria, apesar de que tudo ou quase tudo e todos se resolve dessa forma, com muito ódio. Um grupo de célebres pastores de nosso País se manifestou contra a aprovação da PL 122 na gritaria e no empurra-empurra. Não quero aqui descrever a PL 122 e dizer se sou contra ou a favor, mas quero falar da forma que hoje em dia estamos resolvendo os nossos problemas internos; igreja, família e sociedade. Na maioria dos casos na gritaria e diante de juizes e advogados (nada contra os profissionais da área), e também não quero dizer que não devem ser usados, mas tenho percebido o ódio que invade nosso meio e a petulância de querer mostrar que se está certo, o jeito sórdido de enfrentar gente que sente como a gente, que erra como erramos. Tornamo-nos uns cínicos religiosos quando queremos mostrar a nossa verdade, escondendo debaixo do tapete nossas mazelas. Temos gente que não ora, não entrega dízimos, se mostra hipócrita até diante do diabo, mas quando percebe que o irmão cometeu um erro ele se veste da túnica da falsa santidade, põe o irmão no banco dos réus, julga, condena e mata. E passa a sofrer da amnésia religiosa, a mesma que os homens que queriam apedrejar aquela mulher adúltera, mas que foram curados por Jesus que lhes disse: Aquele que dentre vós está sem pecado seja o primeiro a atirar a pedra. Com amor Jesus os interpelou, com amor Jesus despediu aquela mulher, com amor Ele subiu a cruz, foi tudo com amor e por amor. Repito Caio Fábio: A verdade tem que ser seguida em amor. Pois, do contrário, até a verdade se torna mentira quando os modos são os do ódio. Dário Ferreira servo 1 Fábio, Caio. Texto publicado pelo autor, com o título: Lei da Mordaça. Fonte: http://www.caiofabio.com/novo/caiofabio/pagina_conteudo.asp?CodigoCanal=0001203964 – Acesso em: 26 junho, 2008.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Ninguem me ouve

CURSO DE ESCUTATÓRIA 'Sempre vejo anunciados cursos de oratória. Nunca vi anunciado curso de escutatória. Todo mundo quer aprender a falar. Ninguém quer aprender a ouvir. Pensei em oferecer um curso de escutatória. Mas acho que ninguém vai se matricular. ... Escutar é complicado e sutil, diz Alberto Caeiro (heterônimo de Fernando Pessoa) que 'não é bastante não ser cego para ver as árvores e as flores. É preciso também não ter filosofia nenhuma'. Filosofia é um monte de idéias, dentro da cabeça, sobre como são as coisas. Para se ver, é preciso que a cabeça esteja vazia. Parafraseio o Alberto Caeiro: -Não é bastante ter ouvidos para ouvir o que é dito; é preciso também que haja silêncio dentro da alma. Daí a dificuldade: a gente não agüenta ouvir o que o outro diz sem logo dar um palpite melhor, sem misturar o que ele diz com aquilo que a gente tem a dizer. Como se aquilo que ele diz não fosse digno de descansada consideração e precisasse ser complementado por aquilo que a gente tem a dizer, que é muito melhor. Nossa incapacidade de ouvir é a manifestação mais constante e sutil de nossa arrogância e vaidade: no fundo, somos os mais bonitos... Tenho um velho amigo, Jovelino, que se mudou para os Estados Unidos estimulado pela revolução de 64. Contou-me de sua experiência com os índios. Reunidos os participantes, ninguém fala. Há um longo, longo silêncio. Todos em silêncio, à espera do pensamento essencial. Aí, de repente, alguém fala. Todos ouvem. Terminada a fala, novo silêncio. Falar logo em seguida seria um grande desrespeito, pois o outro falou os seus pensamentos, pensamentos que ele julgava essenciais. É preciso tempo para entender o que o outro falou. Os pianistas, antes de iniciar o concerto, diante do piano, ficam assentados em silêncio, [...]. Abrindo vazios de silêncio. Expulsando todas as idéias estranhas. Na nossa civilização, se eu falar logo e logo a seguir fico em silêncio, são duas as possibilidades. Primeira: 'Fiquei em silêncio só por delicadeza. Na verdade, não ouvi o que você falou. Enquanto você falava, eu pensava nas coisas que iria falar quando você terminasse sua (tola) fala. Falo como se você não tivesse falado'. Segunda: 'Ouvi o que você falou. Mas isso que você falou como novidade eu já pensei há muito tempo. É coisa velha para mim. Tanto que nem preciso pensar sobre o que você falou'. Em ambos os casos, estou chamando o outro de tolo. O que é pior que uma bofetada. O longo silêncio, na verdade deve querer dizer: 'Estou ponderando cuidadosamente tudo aquilo que você falou'. Não basta o silêncio de fora. É preciso silêncio dentro. Ausência de pensamentos. E aí, quando se faz o silêncio dentro, a gente começa a ouvir coisas que não ouvia. Eu comecei a ouvir. Fernando Pessoa conhecia a experiência, e se referia a algo que se ouve nos interstícios das palavras, no lugar onde não há palavras. A música acontece no silêncio. A alma é uma catedral submersa. No fundo do mar - quem faz mergulho sabe - a boca fica fechada. Somos todos olhos e ouvidos. Aí, livres dos ruídos do falatório e dos saberes da filosofia, ouvimos a melodia que não havia, que de tão linda nos faz chorar. Para mim, Deus é isto: a beleza que se ouve no silêncio. Daí a importância de saber ouvir os outros: a beleza mora lá também. Comunhão é quando a beleza do outro e a beleza da gente se juntam num contraponto. ' Rubens Alves

terça-feira, 24 de junho de 2008

Tenho medo de sentir

Trancar o dedo numa porta dói. Bater com o queixo no chão dói. Torcer o tornozelo dói. Um tapa, um soco, um pontapé, doem. Dói bater a cabeça na quina da mesa, dói morder a língua, dói cólica, cárie e pedra no rim. Mas o que mais dói é a saudade. Saudade de um irmão que mora longe. Saudade de uma cachoeira da infância. Saudade de um filho que estuda fora. Saudade do gosto de uma fruta que não se encontra mais. Saudade do pai que morreu, do amigo imaginário que nunca existiu. Saudade de uma cidade. Saudade da gente mesmo, que o tempo não perdoa. Doem essas saudades todas. Mas a saudade mais dolorida é a saudade de quem se ama. Saudade da pele, do cheiro, dos beijos. Saudade da presença, e até da ausência consentida. Você podia ficar na sala e ela no quarto, sem se verem, mas sabiam-se lá. Você podia ir para o dentista e ela para a faculdade, mas sabiam-se onde. Você podia ficar o dia sem vê-la, ela o dia sem vê-lo, mas sabiam-se amanhã. Contudo, quando o amor de um acaba, ou torna-se menor, ao outro sobra uma saudade que ninguém sabe como deter. Saudade é basicamente não saber. Não saber mais se ela continua fungando num ambiente mais frio. Não saber se ele continua sem fazer a barba por causa daquela alergia. Não saber se ela ainda usa aquela saia. Não saber se ele foi na consulta com o dermatologista como prometeu. Não saber se ela tem comido bem por causa daquela mania de estar sempre ocupada; se ele tem assistido às aulas de inglês, se aprendeu a entrar na Internet e encontrar a página do Diário Oficial; se ela aprendeu a estacionar entre dois carros; se ele continua preferindo Malzebier; se ela continua preferindo suco; se ele continua sorrindo com aqueles olhinhos apertados; se ela continua dançando daquele jeitinho enlouquecedor; se ele continua cantando tão bem; se ela continua detestando o MC Donald's; se ele continua amando; se ela continua a chorar até nas comédias. Saudade é não saber mesmo! Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos; não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento; não saber como frear as lágrimas diante de uma música; não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche. Saudade é não querer saber se ela está com outro, e ao mesmo tempo querer. É não saber se ele está feliz, e ao mesmo tempo perguntar a todos os amigos. É não querer saber se ele está mais magro, se ela está mais bela. Saudade é nunca mais saber de quem se ama, e ainda assim doer... Saudade é isso que senti enquanto estive escrevendo e o que você, provavelmente, está sentindo agora depois que acabou de ler... Miguel Falabella

sábado, 21 de junho de 2008

CONSTRUA .... NÃO DESTRUA

Recentemente fui a um casamento , mas melhor falando fui a uma cerimônia de casamento, penso que é melhor assim essa expressão , e me vi envolvido num ritual de sonhos , amor desejos, tudo lindo , perfeito, ensaiadinho , gente bonita , bem vestida, sorriso lindo no rosto e claro um clima de amor no ar. Eu particularmente me dei mal , sentei-me ao lado de um individuo que cheirava cachaça, e que acariciava sua parceira o tempo todo e conversavam como se estivessem na sala de suas casas, com licença da palavra quase que vomitei no colo deles, preferi sair e não ouvi o sermão do pastor relacionado aquele momento de sonhos. Mas mesmo como dizem colocando os bofes pra fora passei a refletir sobre esse acontecimento que é praxe em todo o mundo variando apenas as formas cerimoniais, mas que traz em seu bojo os mesmos pesadelos que todos , não quero de forma alguma generalizar ou apagar o que de precioso o casamento tem e traz , mas pensem comigo . A cerimônia passa , depois vem a realidade, o estar com alguém debaixo do mesmo teto e compartilhar com esse alguém de tudo o que se passa em sua vida , algumas não é possível por que o outro jamais entenderia, ai vem os desgastes, por falta de dinheiro, por falta de atenção , por que não se agiu de acordo com a vontade do outro e assim vai . O que vou falar não é nenhuma novidade , mas casamento é construção , ou se constrói ou destrói , e os construtores são os dois , ninguém pode dizer que fulano ou fulana acabou com casamento , e não se pode deixar a cargo de um somente, um somente não agüenta construir casamento, e digo mais nunca queira que o outro seja seu prisioneiro ou prisioneira, pra status ou coisa parecida só pra manter casamento. Não sou a melhor pessoa para dar conselhos para casais , mas penso que mulher deve saber falar na hora certa com homem que não é muito chegado a falar, e homem deve estar aberto a ouvir sua mulher inclusive aos apelos silenciosos .Eu teria outras dicas mas como o que estou escrevendo nada tem a ver com conselho matrimonial e sim despertar em todos a consciência do que é casamento , só tenho a dizer que ninguém rouba um coração apaixonado , e quem não tem competência não se estabelece. Nunca chore o leite derramado , abra outro saquinho ou caixinha de leite e seja feliz . Ah! voltei pra cerimônia e infelizmente voltei a sentir o odor de cachaça daquele elemento e pensei: como uma moça consegue conviver com alguém que exala tal cheiro? Respondi a mim mesmo : O que tenho a ver com isso cada um que cuide de sua vida . E é o que esta faltando mesmo cada um cuidar de sua própria vida, do seu casamento do seu relacionamento, do seu amor e assim construa, não destrua. Lembrem-se sempre da célebre frase: Só o amor constrói. beijos

sábado, 31 de maio de 2008

VIVER É DIFICIL

Quem espera que a vida Seja feita de ilusão Pode até ficar maluco Ou morrer na solidão É preciso ter cuidado Pra mais tarde não sofrer É preciso saber viver Toda pedra no caminho Você deve retirar Numa flor que tem espinhos Você pode se arranhar Se o bem e o mal existem Você pode escolher É preciso saber viver Insistentemente Roberto Carlos cantou: È preciso saber viver, é preciso saber viver! Não sei qual foi a experiência que o levou a cantar assim. Naquela época eu era um adolescente que também cantava essa música no corredor da escola com outros amigos, mas era somente pra diversão, hoje no meu meio século de existência começo a compreender que é realmente preciso saber viver, por que é difícil viver, de fato! É difícil viver relacionando-se com gente, aqui pra nós, eu prefiro bichos - afinal de contas eles são chamados de irracionais, mas amam mais, são mais fiéis mesmo você trocando-os por outros, até sorriem pra você, mesmo quando você os despreza, é difícil viver dentro de parâmetros que a sociedade impõe, vê se me entende. O ser bonito pra essa sociedade significa corpo esguio, olhos azuis e cabelos loiros lisos, ser de honra é quando você tem dinheiro, casa , carros e muita fama, o honesto é o que fala muito, e engana, é difícil saber viver por que não se ama quem se quer - mais quem se deve. É difícil saber viver por que você está sempre fora, é carta fora do baralho quando contraria alguém, ou alguma regra imposta pela sociedade ou pelo Criador, esse que nunca nos despreza. Ah! Eu queria voltar no tempo, (nós sempre desejamos voltar no tempo) e cantar essa música visualizando meu futuro, leia a letra acima e confira: Eu esperei uma vida cheia de ilusão, não deu em nada; O meu mais tarde chegou, já estou sofrendo por não ter levado algumas coisas mais a sério; As pedras do caminho, preferi não retirar, achei que não iriam me impedir, mas construí muros, diques, que me deixaram ilhado, sem saber pra onde ir me perdi; O bem e o mal existem e confesso que em algumas vezes escolhi errado, por que nunca fui de medir, de pensar no futuro, e vivi o presente como se fosse terminar a vida ali. Pra encurtar a conversa eu prefiro ficar com o refrão: É preciso saber viver! (Repetidamente). Mas se alguém aceita conselho, lá vai um: VIVER É MUITO DIFICIL, mas a própria vida nos ensina a vivê-la!

sexta-feira, 16 de maio de 2008

Completar 50 anos não dói

Confesso, estou vivendo a melhor fase da minha vida ,com tudo o que tenho direito , do bom e do ruim , dos que me entendem e dos que não me entendem , não sei , não posso ter uma precisão de quantos anos mais viverei , só quero viver um dia após o outro, um ano após o outro ,entendendo que daqui pra frente tudo será lucro , ou perda, caso decida errado. Repito que não tenho mais tempo pra coisinhas pequenas , ou ouvir gente que nada tem pra me dizer, ou perder tempo com coisas que não somarão experiencia boas em minha vida. Não terei mais tempo pra cuidar da vida de ninguem , por que preciso cuidar da minha que se manifesta como um vaso necessitado de muitos cuidados . Se puderem , cuidem de mim por favor SE VOCE PUDER VIR COMER O BOI COMIGO FICAREI MUITO FELIZ local - sitio Lirio dos Vales - Estrada Perimetral - Colonia - Barra Mansa dia- 07 de junho

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Viver de Amor

Eu quero me enrolar nos teus cabelos, abraçar teu corpo inteiro, morrer de amor, de amor me perder. Calma... essa é a letra da música “Moça” interpretada por Wando, lembra? Você que não viveu nos anos 70 não vai se lembrar mesmo, mas eu cantei muito essa música e tinha como uma verdade a frase: “MORRER DE AMOR”. Que me perdoe os românticos de plantão e o senhor Wando, não penso mais assim. O que seria morrer de amor? Acompanhe-me se puder... Morrer de amor implicaria em não viver o amor na íntegra, fugir, não vivê-lo intensamente em todos os sentidos. Morrer de amor é ter medo de encarar as nuances, as tempestades que ele provoca - e não estou falando das paixões repentinas que vem e que vão, deixando rastros de tristezas, de ódio e indiferença pra quem se entregou a elas, posso dizer amor? Vamos em frente, morrer de amor pra mim hoje é amar sem ser amado, é amar o inalcançável, é sofrer na alma, no espírito. É amar na presença, na ausência, perto ou longe, é sonhar e acordar sorrindo, mesmo assim, viver a vida, com esperanças...Chega! Você já entendeu, e eu não quero ir pro cemitério; eu quero VIVER DE AMOR, sim viver, eu ou qualquer um que viva de amor vai saber a diferença entre morrer e viver. Viver de amor é se entregar de corpo e alma, mergulhar num oceano cheio de delícias...nesse mergulho não se precisa respirar, deixemos tudo por conta do amor. Viver de amor não nos deixa sufocados, e nem nos leva a sufocar ninguém, viver de amor nos leva as mais altas alturas, e caso, sejamos levados entre espinhos mesmo feridos continuaremos amando. Viver de amor não nos deixa ser propriedade de alguém e não nos deixa fazer alguém propriedade. Viver de amor faz-nos viver livres, sem sermos libertinos. Eu sei, fui incapaz de mostrar a diferença entre viver e morrer de amor. Mas eu estou vivendo , por estar vivo escrevo. Por acreditar que ninguém morre de amor, ninguém sobrevive de amor. Prossigo, acreditando que mesmo em minha tenra idade posso amar e ser amado. Eu quero acreditar que posso viver de um grande amor que nem mesmo o tempo poderá matá-lo... Eu quero me enrolar nos teus cabelos, abraçar teu corpo inteiro, viver de amor e de amor me achar. Perdoe-me Wando, mas mudei sua letra!

terça-feira, 13 de maio de 2008

Mensagens que edificam

O ÚLTIMO FOLHETO!!! Todos os domingos à tarde, depois do culto da manhã na igreja, o pastor e seu filho de 11 anos saíam pela cidade e entregavam folhetos evangelísticos. Numa tarde de domingo, quando chegou à hora do pastor e seu filho saírem pelas ruas com os folhetos, fazia muito frio lá fora e também chovia muito. O menino se agasalhou e disse: -'Ok, papai, estou pronto. ' E seu pai perguntou: -'Pronto para quê?' -'Pai, está na hora de juntarmos os nossos folhetos e sairmos. ' Seu pai respondeu: -'Filho, está muito frio lá fora e também está chovendo muito. ' O menino olhou para o pai surpreso e perguntou: -'Mas, pai, as pessoas não vão para o inferno até mesmo em dias de chuva?' Seu pai respondeu: -'Filho, eu não vou sair nesse frio. ' Triste, o menino perguntou: -'Pai, eu posso ir? Por favor!' Seu pai hesitou por um momento e depois disse: -'Filho, você pode ir. Aqui estão os folhetos. Tome cuidado, filho. ' -'Obrigado, pai!' Então ele saiu no meio daquela chuva. Este menino de onze anos caminhou pelas ruas da cidade de porta em porta entregando folhetos evangelísticos a todos que via. Depois de caminhar por duas horas na chuva, ele estava todo molhado, mas faltava o último folheto. Ele parou na esquina e procurou por alguém para entregar o folheto, mas as ruas estavam totalmente desertas. Então ele se virou em direção à primeira casa que viu e caminhou pela calçada até a porta e tocou a campainha. Ele tocou a campainha, mas ninguém respondeu. Ele tocou de novo, mais uma vez, mas ninguém abriu a porta. Ele esperou, mas não houve resposta. Finalmente, este soldadinho de onze anos se virou para ir embora, mas algo o deteve. Mais uma vez, ele se virou para a porta, tocou a campainha e bateu na porta bem forte. Ele esperou, alguma coisa o fazia ficar ali na varanda. Ele tocou de novo e desta vez a porta se abriu bem devagar. De pé na porta estava uma senhora idosa com um olhar muito triste. Ela perguntou gentilmente: -'O que eu posso fazer por você, meu filho?' Com olhos radiantes e um sorriso que iluminou o mundo dela, este pequeno menino disse: -'Senhora, me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de dizer que JESUS A AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último folheto que lhe dirá tudo sobre JESUS e seu grande AMOR. ' Então ele entregou o seu último folheto e se virou para ir embora. Ela o chamou e disse: -'Obrigada, meu filho!!! E que Deus te abençoe!!!' Bem, na manhã do seguinte domingo na igreja, o Papai Pastor estava no púlpito. Quando o culto começou ele perguntou: - 'Alguém tem um testemunho ou algo a dizer?' Lentamente, na última fila da igreja, uma senhora idosa se pôs de pé. Conforme ela começou a falar, um olhar glorioso transparecia em seu rosto. - 'Ninguém me conhece nesta igreja. Eu nunca estive aqui. Vocês sabem antes do domingo passado eu não era cristã. Meu marido faleceu a algum tempo deixando-me totalmente sozinha neste mundo. No domingo passado, sendo um dia particularmente frio e chuvoso, eu tinha decidido no meu coração que eu chegaria ao fim da linha, eu não tinha mais esperança ou vontade de viver. Então eu peguei uma corda e uma cadeira e subi as escadas para o sótão da minha casa. Eu amarrei a corda numa madeira no telhado, subi na cadeira e coloquei a outra ponta da corda em volta do meu pescoço. De pé naquela cadeira, tão só e de coração partido, eu estava a ponto de saltar, quando, de repente, o toque da campainha me assustou. Eu pensei: -'Vou esperar um minuto e quem quer que seja irá embora. ' Eu esperei e esperei, mas a campainha era insistente; depois a pessoa que estava tocando também começou a bater bem forte. Eu pensei: -'Quem neste mundo pode ser? Ninguém toca a campainha da minha casa ou vem me visitar. ' Eu afrouxei a corda do meu pescoço e segui em direção à porta, enquanto a campainha soava cada vez mais alta. Quando eu abri a porta e vi quem era, eu mal pude acreditar, pois na minha varanda estava o menino mais radiante e angelical que já vi em minha vida. O seu SORRISO, ah, eu nunca poderia descrevê-lo a vocês! As palavras que saíam da sua boca fizeram com que o meu coração que estava morto há muito tempo SALTASSE PARA A VIDA quando ele exclamou com voz de querubim: -'Senhora, eu só vim aqui para dizer QUE JESUS A AMA MUITO. ' Então ele me entregou este folheto que eu agora tenho em minhas mãos. Conforme aquele anjinho desaparecia no frio e na chuva, eu fechei a porta e atenciosamente li cada palavra deste folheto. Então eu subi para o sótão para pegar a minha corda e a cadeira. Eu não iria precisar mais delas. Vocês vêem - eu agora sou uma FILHA FELIZ DO REI!!! Já que o endereço da sua igreja estava no verso deste folheto, eu vim aqui pessoalmente para dizer OBRIGADO ao anjinho de Deus que no momento certo livrou a minha alma de uma eternidade no inferno. ' Não havia quem não tivesse lágrimas nos olhos na igreja. E quando gritos de louvor e honra ao REI ecoaram por todo o edifício, o Papai Pastor desceu do púlpito e foi em direção a primeira fila onde o seu anjinho estava sentado. Ele tomou o seu filho nos braços e chorou copiosamente. Provavelmente nenhuma igreja teve um momento tão glorioso como este e provavelmente este universo nunca viu um pai tão transbordante de amor e honra por causa do seu filho... Exceto um. Este Pai também permitiu que o Seu Filho viesse a um mundo frio e tenebroso. Ele recebeu o Seu Filho de volta com gozo indescritível, todo o céu gritou louvores e honra ao Rei, o Pai assentou o Seu Filho num trono acima de todo principado e potestade e lhe deu um nome que é acima de todo nome. Bem aventurados são os olhos que vêem esta mensagem. Não deixe que ela se perca, leia-a de novo e passe-a adiante. Lembre-se: a mensagem de Deus pode fazer a diferença na vida de alguém próximo a você. Não tenha medo ou vergonha de compartilhar esta mensagem maravilhosa. autoria desconhecida

Quem sou eu

Minha foto
Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brazil
Assunto: Radialista, e atuo como comunicador na rádio 88 fm há 14 anos , atualmente exerço mimha função de locutor na radio boas novas no Rio de Janeiro , uma empresa do mesmo grupo 88 . Tenho tido experiencias tremendas nessa área . obrigado a todos que se interessam em ler meus escritos quer seja por admiração ou por criticas