Seja Bem vindo a minha página

ABANDONE DE VEZ SUAS PONTUAÇÕES E RENDA-SE COM TODA SUA PECAMINOSIDADE AO DEUS QUE NÃO LEVA EM CONTA NEM OS PONTOS , NEM AQUELE QUE OS MARCA, MAS VÊ EM VOCÊ , SOMENTE UM FILHO REMIDO POR CRISTO- Thomas Merton

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

ELAS EMBRUTECERAM ?

Hoje almocei com duas amigas; uma delas pretende se casar em setembro. Conversa vai, conversa vem, decidi deixar a mostra meu lado conselheiro e olhando para essa amiga disse: - Não se embruteça, seja sempre feminina. Ela com um ar de quem se interessou pelo conselho esperou mais algumas palavras deste presunçoso conselheiro, passei a dizer-lhe da enormidade que é uma mulher, mãe, avó, tia, esposa, amante, conselheira, médica e ufa!!! Tanta coisa, mas também, além disso; hoje ela pode pilotar um avião, um carro, uma moto, ser operária em fábricas onde somente os mais corpulentos machos eram contratados. Ela, a mulher, ganhou asas, voou longe, mas a velocidade foi tão grande que arrancou de si a essência, a beleza de ser mulher. Quando o criador a fez, não usou como matéria prima o barro, mas da costela do homem, isso por que Deus sabia que ela seria um ser muito diferente: que chora e ao mesmo tempo ri, que perde, que ao mesmo tempo se robustece de esperanças, que vive o hoje como se fosse o amanhã, que pra ela não teria tempo ruim, guerreira, defensora dos seus, parceira mesmo em tempos ou fatos inoportunos. Mas, algumas se embruteceram, perderam a feminilidade, a tão famosa submissão que é estar sobre uma missão especial ao lado do homem, se igualaram, começou gritar mais alto, a comandar com mãos de ferro, a subestimar seu companheiro. O embrutecer trouxe a elas alguns pacotes atrelados, tais como: desprezo, prejuízos físicos e emocionais, estresse, insônia, e o pior - a sina de não ser bem amada. O homem gosta do que a mulher faz, mas não gosta do que ela se transforma após o que faz. Homem ama ser acariciado, olhar nos olhos femininos e ver ternura, homem gosta de comidinha gostosa e mulher cheirosinha, homem gosta de ouvir ao pé do ouvido um “Eu te amo”, você faz parte da minha vida, te amo para sempre e essas coisinhas mais... Homem também deve pronunciar e viver com elas essas palavras, mas é bem verdade que quando soa da boca delas sai bem mais verdadeiro, mais doce, mas... Bom deixa pra lá. Tenho dito a algumas mulheres e a essa amiga que continuem sendo femininas, mulheres, amáveis, doces, compreensivas, respeitadoras, alegres e que façam outras coisas que lhes agradem, mas nunca percam a essência de ser mulher, por favor, não embruteçam, e sejam felizes com seu homem. Não esqueçam: Ninguém rouba um coração apaixonado. Não quero ser machista e nem tão pouco jogar a carga somente nas beldades femininas, mas concordei com minha amiga que disse: a mulher que faz o homem e que eterniza o casamento. Mulher tem instinto protetor, pronta para amar e com garra suficiente pra despachar quem não a ama e caso alguma tenha nascido com defeito de fábrica as que estão sem defeito vão tomar conta de um homem que queira simplesmente ser amado.

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

THAIS TORRES

Como é ruim ficar sem saber noticias de um amigo e ao saber voce se confronta com uma tragédia . Pois foi isso que aconteceu com a amiga Thais competente jornalista que tive o prazer de trabalhar no departamento de comunicação da prefeitura de Barra Mansa. Thais sumiu da cidade, estava voando alto em São Paulo, competente jornalista queria seu lugar ao sol , mas sua luta foi interrompida semana passada em Itaim Bibi atropelada por um onibus. Comunicadores e jornalistas estão de luto, mas convictos que a missão de nossa amiga foi cumprida. Adeus Thais .. até outro dia

domingo, 10 de agosto de 2008

PAI... HERÓI E BANDIDO

Almoçando em um restaurante de Volta Redonda assistia Fábio Junior ainda com aquela cara de criança cantando Pai , uma musica que marcou os pais em minha geração e até hoje parece ser um hino em homenagem a esses que ainda não foram substituídos pelo avanço da ciência moderna. Ao ouvir a musica me emocionei , logo eu que nunca tive um pai, ou aliás tive dois e ao mesmo tempo não tive nenhum , conto essa historia depois. Mas me chamou muito a atenção a expressão : Pai meu herói meu bandido, eu não sei qual era a real situação do Fábio com seu pai na época , mas posso supor que não era a das melhores. Entendo também que como seres humanos falhos que somos não conseguimos ser cem por cento perfeitos , mas sempre nos vestimos com aquela roupa de super homem a prova de balas, e fazemos de contas que voamos , que somos invencíveis, que temos visão de raio x e que nada , simplesmente nada pode nos superar. E isso atrai os filhos que passam a ver os pais assim imbatíveis, até que surge uma pedra verde a Kriptonita que enfraquece o super homem e o deixa bandido. A pedra verde tem sido uma realidade na vida de muitos pais que passaram a vida toda mostrando ser super , enganando que com eles nada e ninguém poderia derrotá-los. O pai é herói até que não contrarie essa fantasia , até que não seja superado, abatido por pedras verdes que o faz enfraquecer, voltar atrás, que o faz recomeçar, ou sentir se útil e ser feliz . E se isso traz prejuízos para os filhos o faz tornar-se bandido , incapaz , rejeitado e aquele que envergonha e que já não é mais insuperável. Claro somos o culpado por passarmos uma imagem tão super. Sou pai a 26 anos , mas não fui filho nem sequer um dia por isso mesmo tendo dois como disse (original e genérico) não os via como um super por que convivi com suas falhas tal como , bebidas, vícios, violência e assim por diante , o que não me causava espanto porque tinha conhecimento de suas debilidades. Por isso valorizei-os , amei-os assim mesmo, heróis e bandidos mas permaneceram pais . A conclusão que chego na musica do Fábio é que depois que ele se tornou pai , fez um pedido ao seu pai que fosse em sua casa brincar de vovó com seu filho , suponho novamente que havia uma separação dos dois a ponto de nem se quer serem visitados , e agora ele Fábio entendendo o significado de ser pai o faz esse convite . Em resumo entendo que o que os filhos fazem aos pais hoje seus filhos farão com eles amanhã. Não precisa ser pai herói , e não seja bandido , seja simplesmente humano. FELIZ DIA DOS PAIS seres humanos.

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

ANCORADO

Eu estava me recordando dos meus tempos de criança em minha terra natal Vicente de Carvalho Guarujá, litoral de São Paulo. Eu amava ficar a beira do Estuário a ver navios literalmente, e como era gostoso isso. Eu admirava os velhos barcos ancorados no cais, uns grandes , outros pequenos , alguns na minha concepção pareciam não ter mais condições de voltar a navegar , porque seus cascos estavam corroídos pela maresia, em certos pontos tinham buracos, os mastros arriados e quebrados, alguns adernados para a direita ou esquerda, e já vi muitos afundados a beira do mar, cheios de lama. O estaleiro recebia muitos desses e ficava parecendo como um monte de lixo , e ferros velhos, um local pra mim um tanto sinistro. Não se entreguem quando a vida lhe levar ao cais do porto ou ao estaleiro, todos precisamos disso, o trabalhador principal do estaleiro lhe conhece e sabe o que você precisa , e sabe que no navegar da vida somos consumidos pela maresia feroz que deteriora nosso corpo e sentimentos, os vendavais quebram nossos mastros tirando o nosso equilíbrio, a ferrugem destrói o motor da nossa existência e ficamos a deriva sem saber pra onde ir e o que fazer. E é quando isso acontece que precisamos ancorar, será um suicídio continuar, alem de nos prejudicar , faremos com que aqueles que em nós confiam também morram conosco. Algumas coisas nos impedem de parar , como a soberba a vaidade e que é acompanhado do seguinte bordão : O que os outros vão falar? Navegar quebrado repito é um suicidio, reconhecer que é preciso reconstruir, reformar é sabedoria. Mas era interessante também observar que ali ancorados no cais do porto ou no estaleiro muitos saiam a navegar novamente. Saiam lindos, novas cores, novos mastros , cascos raspados de toda a maresia e de tudo que se agarravam a eles. É isso , voltavam a navegar em alto mar , voltavam a ser útil naquilo que fora lhe designado , pescar, transportar gente ou simplesmente navegar. Mas ficar ancorado muito tempo também apodrece o casco faz água e afunda. Tudo tem seu tempo, e esse momento é o meu tempo, quero que o Trabalhador principal do estaleiro me reforme, e me faça novo, sem as debilidades e quebraduras do passado, sem vazios na alma e sentimentos frustrados, sem a falta de equilíbrio por mastros quebrados , sem o óleo que nos faz navegar em altos mares com toda a força. Quero que o Trabalhador desse estaleiro faça de mim um barco novo, e que todos possam ver de longe que algo mudou em mim. Navegar é preciso mas ancorar no cais do porto ou no estaleiro é necessário.

sábado, 2 de agosto de 2008

Adelaide foi ali

Antes de falar da Adelaide e o porque que quero homenagea- la aqui , quero voltar no tempo e me lembrar de uma ouvinte querida , diga-se de passagem uma senhora sexagenária que me enviava dinheiro pelo correio dentro de uma carta, naquela época eu pagava o meu programa na rádio Clube de Santos, e nunca gastei um minuto pedindo dinheiro aos meus ouvintes para pagar o espaço , mas essa querida que amava tanto o programa tinha medo que eu não conseguisse arcar com o compromisso com a emissora no final do mês e por isso colocava notas de pouco valor no envelope e me enviava . Não é preciso dizer que isso me sensibilizava muito, também recebia diversas cartas de ouvintes tanto homens como mulheres que me deixava vaidoso quanto a qualidade da programação. Passando o filme mais rápido, saltemos para os tempos de 88 fm lá pelos idos de 1994 em diante . Uma senhora linda simpática já com idade chegando aos 80 anos que saia de sua casa e através do orelhão conversava prazerosamente comigo, estou falando de Maria Pires que mais tarde se tornou minha segunda mãe. Verdade minha segunda mãe com tudo o que um filho e uma mãe tem direito, ela também foi ali nos deixou gravado na vida muitas lições. Agora peço licença aos demais para falar da Adelaide, uma figura espirituosa e espiritual que incorporou a 88 fm de uma forma que os próprios ouvintes sentiam falta quando ela ficava muito tempo sem participar de qualquer um dos programas. Eu particularmente me divertia com o seu jeito jogadão e sincero de falar, isso me levava a risos. Adelaide ia de conversas políticas a assuntos espirituais e de quebra gostava de fazer humor , e a sinceridade era sua marca registrada. Adelaide foi ali as quatro horas da manhã de um dia especial pra nós . Primeiro de agosto dia do aniversário de catorze anos da emissora. Quando Dário de Paula anunciou seu falecimento eu estava no trajeto que faço a quase catorze anos para dirigir o programa Bom dia 88 , tirei as duas mãos do volante levei ao rosto e disse : Meu Deus a Adelaide se foi !!!, ai pensei como num relâmpago, os céus ganharam uma guerreira, uma alma alegre , sincera e amiga. E quem vai substitui-la? Logo alguém aparece e se torna uma figura folclórica como tantas outras, mas Adelaide como os outros nunca será esquecida ou substituída.. Adelaide foi ali um dia nos encontraremos. Ah!!! Adelaide viveu 82 anos e ainda deixou o seu grande amor o Belarmino , alguém da família me disse que eles se amavam muito. Com certeza estavam juntos não para cumprir um compromisso, mas por que se amavam mesmo. Não poderia ser diferente uma pessoa do tipo da Adelaide sabia o que era amar. Não , não fugi do assunto , só vive como a Adelaide viveu quem consegue amar de verdade. Adelaide foi ali .

Quem sou eu

Minha foto
Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brazil
Assunto: Radialista, e atuo como comunicador na rádio 88 fm há 14 anos , atualmente exerço mimha função de locutor na radio boas novas no Rio de Janeiro , uma empresa do mesmo grupo 88 . Tenho tido experiencias tremendas nessa área . obrigado a todos que se interessam em ler meus escritos quer seja por admiração ou por criticas