Seja Bem vindo a minha página

ABANDONE DE VEZ SUAS PONTUAÇÕES E RENDA-SE COM TODA SUA PECAMINOSIDADE AO DEUS QUE NÃO LEVA EM CONTA NEM OS PONTOS , NEM AQUELE QUE OS MARCA, MAS VÊ EM VOCÊ , SOMENTE UM FILHO REMIDO POR CRISTO- Thomas Merton

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

O shopping e o Boi

Passear no shopping é fashion , pelo menos é o que parece , mesmo que você não compre nada e fique apenas pescoçando, alguém me disse que pescoçar é olhar e não comprar , e eu faço isso sempre , não sou muito de compras, por isso fui pescoçar. O ambiente do shopping é formidável, luzes, cores, vitrines bem adornadas, gente bonita bem vestida, namorados e sozinhos , gente que quer se encontrar , e gente que esta perdida nos pensamentos ou nos sentimentos .Eu acho formidável passear por lá, diferente da feira, poucos gritam e poucos compram , mas está sempre super lotado de gente que sorri e chora por dentro. A praça de alimentação é sempre a mais concorrida, o brasileiro come muito não é mesmo ? Mas o que me encanta muito são os artistas anônimos que estão sempre empunhando um instrumento, teclado, violão ou baterias, e que fazem soar de suas pregas vocais lindas canções que fazem parar os mais apressadinhos. Eu sempre paro e prestigio esses artistas , isso me faz um bem enorme. Escrevi nesse mesmo blog minhas experiências andando pela feira,(leia :frutas , legumes , aves e artes) onde encontro por lá figuras folclóricas e interessantes , no shopping é diferente , todos tem um ar de anônimos, de gente que sabe o que quer e o que não quer. Sempre ouço que no shopping tudo é mais caro , concordo, mas quem vai pagar o glamour das luzes , das vitrines, das roupas da moda , dos celulares de ultimo tipo ? Eu, você, que apreciamos andar por esse espaço. Terminando minha caminhada sem motivos no shopping , sai , fui pra rua e me assentei numa cadeira de plástico gentilmente cedida pelo Boi , isso mesmo , o Boi nome do fazedor de hot dog. Decidi degustar um desses pra terminar minha jornada diária de degustação, dispensei a ameixa preta, o molho, o queijo e outros adereços e fui servido pelo Boi de pão , salsicha, molho verde (gosto muito) e pouca batata palha. Me ofereceu um refri que não tinha em sua carrocinha , mas pediu ao amigo do lado e me serviu. È ... o shopping traz glamour mas eu preferi a carrocinha do Boi . Na verdade trago em mim a parte simples que é a minha maior parte . Quando for a Vila Santa Cecilia em Volta Redonda visite a carrocinha do Boi .Lá você só paga o que come e depois ainda é interpelado se gostou do atendimento. Vai vendo ai .

domingo, 26 de outubro de 2008

Quem cuida de quem ?

São inúmeros os textos que recebo dizendo que ninguém deixa de cumprir suas obrigações para cuidar de você , ouvindo seus queixumes. Isso é real e o livro sagrado mostra isso com clareza. Um homem descendo de Jericó foi atacado por bandidos e deixado desfalecido a beira da estrada. Nesses instantes de sofrimento do moribundo passou um levita, profundo conhecedor da lei e que entendia que deveria amar o seu próximo , mas passou de largo indiferente ao sofrimento do homem . Outro que passou foi o sacerdote , o pastor , aquele que tinha a tarefa de cuidar de gente , mas que por força da hora do culto e que não podia se atrasar, não parou. Talvez aquele pastor estivesse no meio de uma cruzada evangelística, ou talvez recebendo uma dessas celebridades da mídia que iria pregar em sua igreja , ou talvez por que naquele momento teria um encontro com um político influente. Dentro dessas conjecturas percebemos que ninguém , mas ninguém mesmo pára por que você esta sofrendo ,e quando eu digo ninguém, é ninguém aqui desse planeta , por que o bom samaritano esta sempre presente . Uma ironia ,um samaritano cuidar de um moribundo que provavelmente seria um judeu ortodoxo, logo eles que não tinham diálogo entre si e que se tratavam como animais selvagens.Quando Cristo intitulou Bom samaritano creio que queria nos dar a lição de que ser bom basta apenas querer e tomar atitudes sadias.Aquele bom samaritano que ia de viagem parou , interrompeu sua trajetória, mudou os compromissos de sua agenda para tratar de um desconhecido. Pergunto : estamos preocupados com gente? Nosso foco são os seres humanos , ou nossa trajetória de sucesso , ou nosso bom nome entre os que nos ouvem e nos conhecem , estamos preocupados com seres humanos ou com o que receberemos de salário no final do mês? Estou sendo deselegante sim com os que se dizem cuidadores de gente e que se portam como levitas ( os que apenas conhecem mas não cumprem ) como sacerdotes ( que sabem suas obrigações e não cumprem). Mas minha deselegância faz sentido por que sem generalizar, muitos já perderam como dizem os antigos o fio da meada e estão apenas cumprindo agendas.Voltando ao modelo de amor com o bom samaritano, percebemos que prioridade era gente sofrida , gente pecadora, gente torta, rejeitada pela sociedade. O bom samaritano não quis a ficha de membro ou carta de transferência do cidadão que estava meio morto , mas se derramou em amor. Não tinha a pretensão de ter de volta o que investiu , mas parou e cuidou do doente. Essa lição não pode ser esquecida. Igreja é local de terapia, é hospital e hospedaria. Outra coisa que venha ser a igreja é desconsiderada por Aquele que a formou . Ele para é nós precisamos parar também .

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

SÓ... RISOS...Controlando a pressão

'Gás do pum' pode ajudar a tratar pressão alta, diz estudo Sulfeto de hidrogênio, conhecido pelo mau cheiro, pode regular pressão. Da BBC Tamanho da letra A- A+ Um gás liberado em flatulências e em "bombas de cheiro" pode desempenhar o papel de regular a pressão sangüínea, segundo um estudo da John Hopkins University publicado pela revista especializada "Science". Pequenas quantidade de sulfeto de hidrogênio - um gás tóxico gerado por bactérias que vivem no intestino humano - são responsáveis pelo mau cheiro de flatulências. Mas o estudo mostra que esse gás também é produzido por uma enzima encontrada em células que revestem os vasos sangüíneos, chamada CSE, e ele teria o papel de relaxar essas veias e baixar a pressão. As conclusões, tiradas a partir de um estudo com camundongos, podem levar a novos tratamentos para a pressão alta. Experiência No estudo, camundongos geneticamente modificados para ter deficiência da enzima CSE apresentaram níveis de sulfeto de hidrogênio quase nulos, em comparação com camundongos normais. Os cobaias com deficiência da enzima apresentavam pressão sanguínea cerca de 20% mais alta do que os normais, resultados comparáveis à pressão alta em humanos. Quando os camundongos modificados receberam um remédio para relaxar as veias - metacolina - não houve diferença, indicando que o gás é responsável pelo relaxamento. Já se sabe que outro gás, o óxido nítrico, está envolvido no controle da pressão sanguínea. "Agora que sabemos que o sulfeto de hidrogênio tem um papel no controle da pressão, pode ser possível criar terapias com remédios que aumentem sua produção como alternativa para os atuais métodos de tratamento de hipertensão", disse o pesquisador Solomon Snyder. fonte: Site G1 - Ciencia e Vida

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Ufa!!! as bóias chegaram

Intrigante o que me aconteceu, dias antes eu escrevia um texto intitulado :Preciso de Bóia, e sem querer na ultima linha deletei, fiquei intrigado com o troço como diria o bom mineiro, mas hoje sei por que a mão Divina assim o fez. Esse blog tem sido o canal onde os observadores maldosos se encontram a espreita pra entender o que se passa comigo , não para me segurar as mãos ou emprestar os ombros , mas para jogar pedras e sorrir dizendo : Eu sabia , que ele não agüentaria... Bom já falei demais , o que quero me referir hoje com relação as bóias é que muita coisa clareou em minha mente, as línguas felinas recheadas de maldições cansaram , os de pés sujos conseguiram direcionar os olhos para os seus próprios pés e perceberam a sujeira virando craca ( assim que chamávamos os meninos que deixavam acumular a sujeira dos pés a ponto de virar uma espécie de casca) as mentes doentias se refugiaram nas utis e entraram em coma, já não conseguem maquinar o mal . Bóias servem para salvar quem está se afogando, e pedras servem para ajudar a afundar. Alguns são especialistas nesse assunto de jogar pedras, mas o fim é a solidão , e a frustração. Os que são especialistas em jogar bóias são príncipes, anjos que estão a nosso dispor, gente que sabe o que é sofrer e sabe o que é amar. Eu vejo agora depois do céu nublado esse anjos chegando e me entregando bóias , o que me trás alivio e maior confiança no Pai que é o guardador de minha alma. É ... as boias estão chegando , vou continuar vivendo , os dias passando ,eu vou melhorando pra começar tudo de novo e ser feliz . Infeliz seria eu chegar ao fim da vida olhar pra trás e dizer: Por que não tentei??? Entendeu ? Segure a bóia e siga em frente .

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Galeria dos meus amigos

Essa senhora é um exemplo de vida, totalmente contrario ao normal de que o primeiro meu depois dos outros , nos da uma grande lição do que é solidariedade. Muito conhecida em Barra Mansa por alimentar os presidiários durante décadas , hoje ela se dedica ao assistencialismo material e espiritual. Com uma fé fervorosa todos que entram em sua casa saem abençoados. Comigo não foi diferente .Ao ser convidado pela nossa Rute , encontrei um sorriso , palavras de animo e oração. O restaurante popular leva o seu nome na cidade, mas isso não a envaidece por que sabe que serve Aquele que é o Pão da Vida: Jesus Cristo. O mundo precisa de pessoas assim que, não "cuidam" da vida de outros , mas que abençoam e oram . Vó Rute sofre de artrose e outros problemas , mas não se cansa de abençoar aqueles que a procuram. Vó Rute é gente. Agradeço a Deus por sua existencia.

Quem sou eu

Minha foto
Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brazil
Assunto: Radialista, e atuo como comunicador na rádio 88 fm há 14 anos , atualmente exerço mimha função de locutor na radio boas novas no Rio de Janeiro , uma empresa do mesmo grupo 88 . Tenho tido experiencias tremendas nessa área . obrigado a todos que se interessam em ler meus escritos quer seja por admiração ou por criticas