Seja Bem vindo a minha página

ABANDONE DE VEZ SUAS PONTUAÇÕES E RENDA-SE COM TODA SUA PECAMINOSIDADE AO DEUS QUE NÃO LEVA EM CONTA NEM OS PONTOS , NEM AQUELE QUE OS MARCA, MAS VÊ EM VOCÊ , SOMENTE UM FILHO REMIDO POR CRISTO- Thomas Merton

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Sobrevivemos

Engraçado como sobrevivemos , nós que somos das décadas de 50 ,60 , não tínhamos celular e as noticias chegavam até nós e éramos mais procurados e achados do que hoje , não tínhamos internet com Orkut msn ,sites mas , éramos bem relacionados, fazíamos grande amizades e os livros das poucas bibliotecas nos informavam. Quantas vezes eu mesmo no silencio de algumas delas fazia minhas pesquisas e trabalhos escolares , escritos a mão mesmo sem mesmo usar a velha máquina de escrever. Os nossos brinquedos eram os mais primitivos e criativos, de latas cheias de areia que se movimentavam como carros a rodas de carros ou pneus de bicicletas que rolávamos pelas ruas e até competíamos em campeonatos de velocidade. Isso era muito divertido e nos deixava vaidosos. As brincadeiras de roda , a brincadeira de passa anel e outras nos faziam passar o tempo e servia como mais uma pagina de relacionamentos que deixava a noite mais prazerosa. Dinheiro? Alguns de nós nem nos lembrávamos que tal matéria era necessária para nossas sobrevivências e deixávamos isso a cargo de nossos pais que como serventes, trabalhadores braçais nos davam o mínimo para nossa sobrevivência. Interessante , não íamos ao dentista e quando doía dentes ou sentíamos alguma dor , tomávamos um chá ou simplesmente dormíamos e no outro dia estávamos curados. Viagens? Ficávamos felizes quando nossos pais nos levavam a casa dos avós primos ou amigos na mesma cidade , no mesmo bairro . Tênis de marca? Ate que sim , tínhamos o conga , o kichute que faziam sucesso nos nossos pés . televisão somente na casa dos vizinhos menos pobres que nós , ali assistíamos Jim das Selvas, Tarzan, Batmasterson , o Zorro , Nacional Kid e o esporte que parava a turma : Luta de Box. Sobrevivemos sem os aparatos modernos , mas , mas, mas ... quando olho para os jovens e adolescentes de hoje fico escandalizado com o que nós mesmo pais criamos só com objetivo de que eles não passasem o que passamos. Demos a eles celulares, internet, carro, casa com todo conforto, escolas, faculdades, viagens, televisão a cabo ,aparelhos de som , toda facilidade do mundo na ponta dos dedos deles de controle remoto a filtros de água , e eles , eles , eles estão como parasitas, múmias ambulantes, dependentes materiais e emocionais. Não conseguem viver sem as tais parafernálias do tempo presente , se afastam mais e mais das pessoas , suas amizades e seus brinquedos são virtuais, suas mentes lentas os tornam mais dependentes ou independentes , o que os fazem cometer coisas que nós jamais cometeríamos .Sobrevivemos e estamos enxergando o presente assustador , e eles ? os que tem a facilidade do presente século conseguirão a mesma façanha? Pais , avós, vamos ajudar essa geração ?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Volta Redonda, Rio de Janeiro, Brazil
Assunto: Radialista, e atuo como comunicador na rádio 88 fm há 14 anos , atualmente exerço mimha função de locutor na radio boas novas no Rio de Janeiro , uma empresa do mesmo grupo 88 . Tenho tido experiencias tremendas nessa área . obrigado a todos que se interessam em ler meus escritos quer seja por admiração ou por criticas